Siga-nos

Perfil

Expresso

Nova Agricultura

Kiwis bebés que se portam como 'fruto grande'

  • 333

Em termos nutricionais, os kiwis bebés não ficam atrás dos normais

IROZ GAIZKA

Não são ainda muito conhecidos em Portugal, mas a Mini-Kiwi Land quer mudar essa realidade e tornar os kiwis bebés nos preferidos dos portugueses. Para já produzem para fora

Rubina Freitas

"Não tem pelos, não é ácido, pesa entre 10 e 20 gramas, é todo comestível e ninguém o rejeita". A descrição de fazer crescer água na boca é de José Machado, o impulsionador da produção de baby kiwi em Portugal.

Apesar de ter origens ligadas à agricultura, até há pouco tempo só produzia vinho, como hobby. A vida profissional foi toda no setor dos combustíveis. Mas um dia começou a pensar que seria boa ideia investir num projeto agrícola. Inclinou-se para mirtilos, mas não conseguiu terreno. Travou conhecimento com engenheiros agrónomos fora de portas e foi assim que conheceu o fruto, ao qual não poupa elogios. Mandou vir seis variedades e adorou. Em 2012 fez a primeira plantação a título experimental, com 200 plantas, em Famalicão. "Ao ver o vigor das plantas, percebi que era esse o caminho", recorda. E porquê? "Foi também a pensar no futuro dos meus filhos, um deles seguiu Agronomia está agora a terminar o curso e a minha filha enveredou agora pela Nutrição", conta.

Em 2013, adquiriu o primeiro hectare de terreno e arrancou com uma plantação a sério. E não podia ter corrido melhor. "Este ano conto colher entre três a quatro toneladas", revela. "É bastante bom, tendo em conta que é o terceiro ano", resume.

Para já ainda não há procura no mercado interno e vai tudo para exportação. Criou uma página no Facebook, a Mini-Kiwi Land, para tentar atrair outros produtores da zona de Braga. "Juntei-me a um grupo e fizemos uma parceria com uma empresa alemã", revela. Mas também tem alternativa para o excedente através de transformação artesanal em licores, xaropes e compotas. "É um fruto único e viciante", elogia.

Garante ainda que em termos nutricionais não fica aquém dos kiwis normais. "Tem ainda mais nutrientes", assegura, citando estudos norte-americanos. Para prová-lo, José Machado também pediu testes ao kiwis produzidos na sua plantação, cujos resultados aguarda. O sonho é ver o fruto mais conhecido e nas prateleiras dos estabelecimentos comerciais portugueses.

Até 26 de julho de 2016, acompanhe de segunda a sexta um caso nacional de inovação agrícola, com o apoio do Prémio Produção Nacional, um projeto do Expresso e do Intermarché