Siga-nos

Perfil

Expresso

Mês do Ambiente 2015

Ideias Verdes: há uma nova rede social e vai ajudar o ambiente

  • 333

A aplicação Ducky As vai arrancar em 2016 e permite seguir o impacto das ações que toma todos os dias e as repercussões que elas têm para o meio ambiente

D.R.

A aplicação Ducky As vai arrancar em 2016 e permite seguir o impacto das ações que toma todos os dias e as repercussões que elas têm para o meio ambiente

Ducky As é o nome que tem que decorar. Chega em em 2016 e é uma nova rede social que quer revolucionar o ambiente e a forma como tratamos dele. A ideia tem selo norueguês, mas se a internet nos ensinou qualquer coisa é que fronteira é um conceito muito abstrato.

A partir de janeiro pode seguir o rasto à sua pegada ecológica e dos seus amigos. Ducky As vai funcionar como uma rede social com um objetivo: diminuir as emissões de carbono. A aplicação permite seguir o impacto das ações que toma todos os dias e as repercussões que elas têm para o meio ambiente.

“O nosso objetivo é criar um negócio que não só é economicamente sustentável, mas também o é a nível social e do ambiente” explica Silje Strøm Solberg, um dos criadores, à revista americana Vice. A plataforma vai funcionar como um serviço de alerta de consciências, registando as emissões de carbono de todas as atividades desde que o utilizador sai de casa para o trabalho até voltar.

Está à disposição do utilizador uma vasta lista de atividades que podem ser programadas ao ínfimo pormenor e que têm associadas um valor de carbono. A ideia é que a aplicação se torne de tal forma grande e que, assim, haja uma pressão para os utilizadores baixarem os níveis de carbono gastos, tornando-se quase num desafio entre subscritores.

Os criadores anseiam que está rede social tome proporções de tal forma que um dia a opção correta seja tomada espontaneamente e sem recurso a uma aplicação.

Em novembro, de segunda a sexta, o Expresso Diário traz-lhe ideias para preservar o ambiente