Siga-nos

Perfil

Expresso

Mês do Ambiente 2015

Ideias Verdes: viver em Nova Iorque como se vive no campo

  • 333

SUSTENTÁVEL: Lauren Singer cultiva os próprios legumes e no frigorífico do apartamento até tem um saco de compostagem

Jacques Demarthon

Na sociedade atual é possível viver com zero desperdício? É o que a nova-iorquina Lauren Singer faz

Tem 24 anos, é dona de uma empresa e consegue viver em Nova Iorque com zero desperdício. Lauren Singer não sai do supermercado com embalagens de plástico ou poluentes, mas entra sempre com frascos de vidro e sacos de pano. Roupas só compra em segunda mão. Cultiva os próprios legumes e no frigorífico do apartamento até tem um saco de compostagem (processo biológico para deixar fermentar os resíduos).

“Sei o que estão a pensar. Esta rapariga deve ser completamente hippie. Ou mentirosa. Ou não é real. Mas eu garanto-vos, não sou nenhuma dessas coisas”, escreveu a própria no site True Activist. E nós confirmamos: quem se cruzasse com ela na rua podia acreditar tratar-se de uma das personagens da série Sexo e a Cidade. Diz Singer que a maquilhagem é biológica e que os produtos de limpeza são feitos em casa desde a pasta de dentes ao desmaquilhante.

Do blog “Trash is for Tossers” ao canal no YouTube, do canal no YouTube à empresa, de salto em salto chegou à Simple&Co, uma empresa que vende produtos de limpeza biológicos — os mesmos que ensina a fazer no blogue — a quem não tem tempo de os fazer em casa.

O blogue foi-se tornando na Bíblia de quem lhe quer seguir as pisadas, isto é “sem produzir lixo, não enviar nada para aterros, não atirar nada para um caixote de lixo, reciclar e fazer compostagem”. Lauren garante que é possível e que o lixo que produz em dois anos cabe num frasco de aproximadamente 0,5l. Arrisca-se a tentar?

Em novembro, de segunda a sexta, o Expresso Diário traz-lhe ideias para preservar o ambiente