Siga-nos

Perfil

Expresso

Energia de Portugal 2014

Empreendedores vendem conservas no Castelo de S. Jorge

A Miss Can recuperou um triciclo motorizado antigo para vender os produtos

Miss Can é o primeiro projeto de microempreendedorismo a assentar arraiais numa iniciativa apoiada pela Câmara Municipal de Lisboa. Trata-se de um negócio de venda de conservas com um design inovador num restaurado triciclo motorizado.

www.expresso.pt

Os empreendedores chegaram ao Castelo de S. Jorge para ficar. Num dos locais turísticos mais emblemáticos da capital, a Miss Can instalou-se com o apoio do EGEAC e da Câmara Municipal de Lisboa para oferecer um conceito inovador de conservas

Projeto de Tiago Soares Ribeiro, Bárbara Pais Cabral e Marta Pais Cabral, a Miss Can "nasce da vontade de criar uma nova marca de conservas e recuperar as nossas heranças familiares", conta Tiago Ribeiro ao Energia de Portugal. Os três fundadores são descendentes de pioneiros portugueses na indústria das conservas

A Miss Can esteve um ano e meio em desenvolvimento, até arranjar um empréstimo de 20 mil euros, sendo a primeira a empresa a consegui-lo ao abrigo do programa de microcrédito Lisboa Empreende. O objetivo foi criar um produto moderno e de qualidade, que apelasse sobretudo a um público estrangeiro, sem perder a ligação com a tradição portuguesa.

From Portugal with Love

"A nossa oferta consiste em cinco packs que se diferenciam pelo tempero, além de ovas de sardinha ("o caviar português") que vendemos avulso. Cada pack é constituído por três latas de sardinha, atum e cavala, enquanto um só temm bacalhau. Os packs diferenciam-se pelo nome (traditional, brave, hot, creative e patriot) que implicam temperos diferentes e incluem desde sugestões gastronómicas a curiosidades históricas portugesas. As ilustrações ficaram a cargo do ilustrador português André Da Loba e o peixe vem de um produtor da Póvoa de Varzim

Esta dicotomia entre tradição e modernidade também se encontra noutros conceitos da marca como a figura estilizada (e atrevida) de sereia que dá corpo à Miss Can e o antigo triciclo motorizado, que os fundadores recuperaram para ser o local de vendas dos produtos.

A funcionar desde 29 de junho, Tiago Ribeiro garante que o "feedback tem sido extremamente positivo", revelando que os clientes têm apreciado "os pequenos pormenores de design e da cultura portuguesa". O empreendedor faz questão de realçar que nesta altura complicada do nosso país, passar uma imagem diferente e mais positiva de Portugal é precisamente um dos objetivos da iniciativa. Daí que um dos slogans da Miss Can seja "From Portugal with Love"

Quanto a planos para o futuro, Tiago Ribeiro afirma que a Miss Can quer ir além das muralhas do Castelo e que os fundadores pretendem expandir-se nas vendas online e chegar a outros pontos do país.

CASTELO S. JORGE ACOLHE JOVENS EMPREENDEDORES from Câmara Municipal de Lisboa on Vimeo.