Siga-nos

Perfil

Click Portugal

Click Portugal

Dez coisas que vão mudar o retalho: o papel do online

  • 333

Xolitos

O aumento natural das compras online vai obrigar as lojas a mudar de estratégia. É o sétimo de 10 artigos que ao longo desta semana vão apresentar as mudanças que se avizinham no retalho

A geração tecnologicamente mais evoluída que atualmente domina as atenções não vai precisar de passar tanto tempo nas lojas. O que implica menos oportunidades para a existência de compras por impulso nos espaços físicos e a necessidade de uma estratégia diferente dos retalhistas. É a conclusão da PWC num trabalho dedicado a este tema.

Quando chegam às lojas, muitas pessoas já vão com noção exata daquilo que querem, porque já consultaram virtualmente as prateleiras em casa na Smart TV ou no seu dispositivo móvel. E a integração entre estas duas experiências só tem tendência a crescer. Por exemplo, 68% dos inquiridos neste estudo admitiu ter ficado interessado num produto que viu num espaço físico e só depois o comprou online, enquanto 70% revelou ter feito precisamente o contrário: ver primeiro na internet para depois adquirir na loja.

Ou seja, se é certo que nunca vão deixar de haver espaços físicos para compras, o seu número irá diminuir para fazer face à importância crescente da esfera digital.