Siga-nos

Perfil

Click Portugal

Click Portugal

Dez coisas que vão mudar na banca: simplificação nas operações

  • 333

Xolitos

Menos burocracia e práticas de negócio que estimulem a procura bancária estão neste momento a ser adoptadas para o futuro. É o sexto de dez artigos que ao longo desta semana apresenta as mudanças que se avizinham na banca

Historicamente, os bancos desenvolveram operações de enorme complexidade e com modelos de financiamento altamente complexos. Produtos financeiros com pontos de contacto podem ser desenvolvidos em departamentos diferentes sem cooperação, o que acaba por resultar em esforços redundantes que prejudicam não só os bancos mas também os clientes. Por isso, há uma preocupção cada vez maior em diminuir estes entraves para prestar um serviço mais eficiente.

53% dos executivos bancários acredita que este processo é muito importante e 70% dos inquiridos num estudo da PWC estão a realizar investimentos neste campo. Contudo, só 17% se sente minimamente preparado para o que esta mudança implica: alterações nos canais de comunicação, produtos, preços/taxas e acessos tecnológicos. Numa altura em que se vai saber mais sobre o cliente do que em qualquer outra fase, assiste-se a uma redefinição do modelo de negócio. Os inquéritos aos consumidores para alinhar prioridades serão mais comuns, assim como a realização de exercícios práticos para perceber a eficiência real das estratégias de simplificação. Deste modo podem rever-se constantemente as metas e objetivos do processo. A simplificação centra-se cada vez mais nos desejos dos clientes.