Siga-nos

Perfil

Expresso

Projeto 20+20

Há livro de reclamações no 2020? Sim, e acompanhamento dos projetos

  • 333

Na página do Curador do Beneficiário pode dar conta formal da sua insatisfação

No quarto de cinco guias práticos sobre o processo de candidatura aos fundos do Portugal 2020 perceba como funciona o acompanhamento do processo de candidatura e o que pode fazer para não o perder de vista. Acompanhe no Expresso Diário, e online, o projeto 20+20, criado pelo Expresso e pelo BCP Capital

Como são apreciadas as candidaturas?
A avaliação dos critérios de elegibilidade faz-se num máximo de 60 dias úteis e conduz a uma pontuação final de 1 a 5 e à sua ordenação (ou não) para financiamento. Há dez dias úteis para pedidos de esclarecimento

Quem acompanha os projetos?
Para cada cada empresa haverá um gestor de procedimento para acompanhar todo o processo e garantir que o plano está a ser cumprido segundo os termos acordados. Caso exista insatisfação, pode apresentar queixa ao Curador do Beneficiário, José Santos Soeiro

Qual o tempo máximo de duração dos planos?
Os projetos apoiados no decorrer deste quadro comunitário não podem ir além dos 24 meses, ou seja, são dois anos na execução do programa de financiamento

Como é que o Balcão 2020 o pode ajudar?
A registar contratos e procedimentos de contratação pública, a fazer pedidos de pagamento/adiantamento ou reembolso e pedidos de reprogramação, a consultar a conta-corrente dos projetos e a efetuar pedidos de esclarecimento

Os apoios podem ir para lá de 2020?
Tal como acontece nos restantes quadros comunitários de apoio, o Portugal 2020 vai durar mais dois anos além deste período

Até 26 de fevereiro, o Expresso e o BCP Capital vão contar histórias de 20 empresas que já ganharam os fundos do Portugal 2020 e têm projetos para inovar e internacionalizar. E, às sextas, estes guias práticos, caso deseje candidatar-se aos fundos