Anterior
Mais de 19 mil mortos na Síria
Seguinte
Fogo em Sintra combatido por 160 bombeiros
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >  Hollande reconhece responsabilidade francesa nos crimes nazis

Hollande reconhece responsabilidade francesa nos crimes nazis

"Esses crimes foram cometidos em França, pela França", reconheceu François Hollande numa homenagem a judeus deportados para a Alemanha na Segunda Guerra Mundial.
Lusa |
Cerimónia de homenagem aos judeus deportados pela França
Cerimónia de homenagem aos judeus deportados pela França / Reuters

O presidente francês, François Hollande, reconheceu hoje a responsabilidade da França na perseguição dos judeus na Segunda Guerra Mundial durante uma homenagem a 13152 judeus deportados para os campos de concentração na Alemanha nazi.

"Esses crimes foram cometidos em França, pela França", afirmou o chefe de Estado francês, citado pela agência Efe.

Hollande recordou a "lucidez" e a "valentia" do conservador Jacques Chirac que, em 1995, se tornou no primeiro presidente francês a reconhecer a responsabilidade da França nas deportações durante a Segunda Guerra Mundial.

"Foram assassinados pelo único motivo de serem judeus", afirmou hoje, em Paris, o chefe de Estado, acrescentando que a sua presença no ato de homenagem evidenciou "a vontade da França (...) de honrar os mortos sem sepultura".

Desta forma, Hollande demarcou-se da tese do seu mentor político e primeiro socialista a chegar ao palácio do Eliseu na V República, François Mitterrand, que não reconhecia a responsabilidade da França.

Durante a Segunda Guerra Mundial foram deportados da França 75500 judeus para os campos de extermínio nazis, dos quais sobreviveram 2500, afirmou o presidente francês.


Opinião


Multimédia

Edwin. O rapaz que aprendeu a sonhar

O que Edwin sabia sobre a vida era sobreviver. Na cabeça dele não cabiam sonhos e os dias eram passados à procura de comida para ele e para a mãe e para o irmão. A fome espreitava nos cantos da barraca de palha no Quénia e ele escondia-se dela como podia - chupar as pedras era uma forma de a enganar. Mas a sorte dele mudou porque alguém viu nele outra coisa. E tudo começou numa dança. Agora, os mesmos dedos que agarravam as pedras tocam hoje teclas de um piano Bechstein. E os pés dele já não estão nus mas calçados. Com chuteiras. Primeiro no Benfica, agora no Estoril, o miúdo de 15 anos que fala como gente grande descobriu que tinha um sonho: ser futebolista. Como Drogba.

Em três quartos de hora não se esquece só a idade. "Esquece-se o mundo"

Maria do Céu dá três voltas ao lar sempre que pode. Edviges vai a todos os velórios, faz hidroginástica e sopas de letras. António dá um apoio na Igreja e nos escuteiros. Tudo é uma ajuda para passar os dias quando se tornam todos iguais. No Pinhal Interior Sul, a região mais envelhecida da União Europeia, quase um terço da população tem mais de 65 anos. Os mais velhos ficaram, os mais novos partiram.

Profissão: Sniper

O Expresso foi ver como são selecionados, que armas usam, para que missões estão preparados os snipers da Força de Operações Especiais do Exército. São uma elite dentro da elite. Um pelotão restrito. Anónimo. Treinam diariamente com um único objetivo: eliminar um alvo à primeira, mesmo que esteja a centenas de metros. Humano ou material. Sem dramas morais, dizem.

Xarém com conquilhas

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

O que se passa dentro da cabeça dele

O que leva um tipo a quem iam amputando uma perna a regressar ao sítio onde os ossos se desfizeram, uma e outra vez, e testar os limites do seu corpo? Resposta: a busca pelo salto perfeito, que ele diz existir dentro dele e que ele encontrará mais dia menos dia. É a fé e a confiança que o movem e o levam a pular para lá do que é exigido a um campeão olímpico e mundial que não tem mais nada a provar a ninguém - a não ser a ele próprio. Este é um trabalho que publicámos em agosto de 2014, quando o saltador se preparava para os Europeus e falava das metas que tinha traçado para 2015 e 2016: mostrar que não estava acabado. Sete meses depois, provou-o no Europeu de pista coberta em Praga, onde venceu este fim de semana.

Amadeu, que aprendeu o mundo no campo e tinha o coração na ponta dos dedos

Em Portugal, a dedicação à língua mirandesa tem nome próprio: Amadeu Ferreira, o jurista da CMVM que - quando todos diziam que "era uma loucura impossível" - arranjou tempo para traduzir "Os Lusíadas", a "Mensagem", os quatro Evangelhos da Bíblia e ainda duas aventuras do Asterix para uma língua que pertence a um cantinho do nordeste português e é falada por menos de 15 mil pessoas. No final de 2014 deu ao Expresso aquela que viria a ser a sua última entrevista. Morreu no passado domingo e esta quinta-feira foi lançada a sua biografia, "O fio das lembranças", com quase 800 páginas.

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Vamos falar de sexo. Seis portugueses revelam tudo o que lhes dá prazer na cama

Neste primeiro episódio de uma série que vai durar sete semanas, seis entrevistados falam abertamente sobre aquilo que lhes dá mais satisfação na intimidade. Sexo em grupo, sexo na gravidez, prazer sem orgasmo e melhor sexo após a menopausa são alguns dos temas referidos nos testemunhos desta semana. O psiquiatra Francisco Allen Gomes explica ainda a razão de muitas mulheres fingirem o orgasmo. O Expresso e a SIC falaram com 33 portugueses que deram a cara e o testemunho de como são na cama. Ao longo das próximas sete semanas, contamos-lhe tudo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.


Comentários 68 Comentar
ordenar por:
mais votados
Em todos os tempos e em todos os países houve
sempre traidores que se prestam a assumir funções e a tomar atitudes lesivas do interesse nacional e da sua própria dignidade. Em 1939 os exércitos de Hitler invadiram a Polônia, tendo como conseqüência a deflagração da Segunda Guerra Mundial. Inglaterra e França foram as primeiras nações a declarar guerra à Alemanha. Menos de um ano depois, o exercito francês foi capitulado, obrigando à redenção total da França ante ao regime nazista.
  Humilhada, a França, através do marechal Philippe Pétain, assinou o acordo de rendição à Alemanha, sendo dividida em duas zonas principais: ocupada e não ocupada. A chamada França ocupada, que consistia na parte norte e ocidental, toda a costa do Atlântico Norte e a capital Paris, passou a ser controlada diretamente pelo regime nazista; o restante do território seria administrado por um suposto regime livre, liderado por Pétain, com capital na cidade de Vichy. Surgia o Estado Francês, vulgarmente chamado de França de Vichy, ou República de Vichy.
Re: Em todos os tempos e em todos os países houve
Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Éu de memória sei alguma coisa por alto, mas para
Re: Éu de memória sei alguma coisa por alto, mas p
Correção : ... agora o Hollande assumiu...
Re: Éu de memória sei alguma coisa por alto, mas p
Meu caro Goodwaves. Aui tem só um cheirinho. ehehe
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: Meu caro. Tdo o que todos nós escrevemos tem a
Re: andas a gozar com as pessoas?
Obrigado pelo conselho. Vou-me inscrever na
Já que a França reconheceu o seu crime

Já que a França reconheceu o seu crime é hora dos franceses pagarem as indenizações devidas aos descendentes das vítimas...

Mais dinheiro para os judeus?
Re: Mais dinheiro para os judeus? Sim...
E Portugal tem de pagar aos Árabes...
Re: E Portugal tem de pagar aos Árabes...
Re: E Portugal tem de pagar aos Árabes...
Re: Mais dinheiro para os judeus?
Re: Já que a França reconheceu o seu crime
Re: Já que a França reconheceu o seu crime
Re: Já que a França reconheceu o seu crime
Re: Já que a França reconheceu o seu crime
Reconhecimentos
Curiosa a referência a Mitterrand. Como podia ele reconhecer a sua própria obra ??

Uma das mais vergonhosas fases da história francesa.
  Desde o exército, que se rendeu sem combater, até à maioria da população, que aplaudiu o invasor. Tentou branquear-se a traição, empurrando para Petain , mas todos os documentos o desmentem. Os nazis foram recebidos com aplausos.
Só após a invasão da URSS e por ordem de Satlin, o PC francês organizou a resistência, até aí uma bizarria de gaullistas..

As FA francesas mancharam a honra militar de modo permanente. Ainda hoje, nas academias de todos os países, são referidos como poltrões, com generais a dezenas de quilómetros das frentes, em banquetes com os melhores cozinheiros parisienses, os primeiros a serem mobilizados.
Não têm um único general morto em combate......
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Re: Reconhecimentos
Resposta ao meu caro LeggoScrivo e outros ....
Meu caro. Tudo o que todos nós escrevemos tem a ver com as nossa leituras no passado. Até com os grandes escritores isso acontece. Agora quando eu me sirco de textos (copy//paste) a minha intenção é divulgar factos ou ideias com que eu me reconheço. Julgo que é enriquecedor para todos, orque penso que deve haver varias visões das coisas. Agora tem razão eu não divulgar as fontes. Mas a maior parte das vezes é em enciclopedias. Não possoser muito condenado porque não ganho nada com isso. Simplesmente me divirto....
Re: Resposta ao meu caro LeggoScrivo e outros ....
E porque não repara que muitos jornais da nossa
Re: E porque não repara que muitos jornais da noss
és um palhaço...UM PALHAÇÃO TRISTE
Ena tantos que se foram inscrever para me cercarem
Hollande esteve bem.
É óbvio que Hollande não fez mais do que pedir desculpas pelo comportamente hipócrita de François Mitterrand que foi agente Regime de Vichy e colaboracionista do nazismo.
A França sempre teve um comportamento dúbio nesta coisa afrontar Alemães, venham esles da direita ou da esquerda..
Foi assim com Petain, foi assim com Mitterrand e Sarkozy, espero que não seja assim com Hollande.
Para além do amor platónico entre Merkl e Sarkozy não nos esqueçamos do amor comercial (luvas, pagamentos da TOTAL) entre Helmut Kohl e Miterrand. Apesar de partidos diferentes, amores incontornáveis.
Afinal e sempre ele, mais uma vez, a admiração de Sócrates por Sarkozy.
Qual deles o mais pigmeu!!
Re: Hollande esteve bem.
Re: Hollande esteve bem.
NEM SÓ
Por cá temos um que recolhe reformas e subsídios, e outros que fogem para paris com o produto do EUROMILHÕES?.
Sim a França é muito culpada como certos pretugueses oportunista e vigaristas.
PS= ATENÇÃO ÀS LAVANDARIAS INDUSTRIAIS.
Re: NEM SÓ
Re: NEM SÓ
Se é assim...

"Foram assassinados pelo único motivo de serem judeus", afirmou hoje, em Paris, o chefe de Estado...

Se é assim, e foi reconhecido... É a hora da França começar a indenizar as vítimas... Urge pagar, não devem demorar... É só calcular e pagar... Sem mais delongas...

Ainda mais por ter sido um crime hediondo contra a humanidade...
Haja pachorra !!!

Leio os comentários e, de imediato, fico com uma certeza: são feitos na generalidade por quem não lê outra coisa que a Bola, ou por simpatizantes de regimes de Direita, mesmo que dura, com ódio visceral a qualquer socialista.
Da História da 2ª Guerra e da participação francesa é que não percebem patavina.

Mitterand foi prisioneiro de guerra. Evadiu-se.

Mitterrand foi nomeado Comissário para os prisioneiros de guerra e, foi nessa qualidade que teve contactos com o regime de Vichy.

Mitterrand organizou grande parte da resistência que não estava sob a alçada de comunistas. Existiam mais de 20 movimentos de "maquisards".

Mitterrand exilou-se em Londres, mais tarde em Argel.

Mitterrand foi reconhecido e medalhado pelo General De Gaulle, como o francês que mais informação tinha passado a toda a resistência.

Mitterrand foi sim um infiltrado, beneficiando das suas origens da burguesia francesa, esta sim, adepta de boches e de uma Europa que falasse alemão, como tantos dos comentadores que por aqui pastam !!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Re: Haja pachorra !!!
Vão receber ao Madoff
Ao Goldmann Sachs
ao Lehmann Brothers
etc.
Todos eles proxenetas judeus!
Re: Vão receber ao Madoff
Quais foram o resultado dessas eleições?
Re: Quais foram o resultado dessas eleições?
E Portugal também pode pedir desculpas!
O Cavaco podia aproveitar a onda Hollande e pedir desculpas as Judeus que foram perseguido em Portugal pelo D.ManuelI no sec.15 que os explusou e eles fogiram para a holanda ou brasil, mais tarde também os portugues também os expulçaram do brasil e fugiram para os USA onde fundaram Nova Iorque, não obstante disto o foram judeus que tiveram um papel importante para os descobrimentos Portugues com contribuições em varias areas do conhecimento como cartografia alias a escola de sagres tinha importante e discivos Mestres judeus, E na 2 guerra mundial muito ouro judeu veio para portugal. E por isso ficava bem ao Presidente e a igreja catolica reconhecerem as persiguições aos judeus e pedirem desculpas!
E Portugal Também!!
O Cavaco podia aproveitar a onda Hollande e pedir desculpas as Judeus que foram perseguido em Portugal pelo D.ManuelI no sec.15 que os explusou e eles fogiram para a holanda ou brasil, mais tarde também os portugues também os expulçaram do brasil e fugiram para os USA onde fundaram Nova Iorque, não obstante disto o foram judeus que tiveram um papel importante para os descobrimentos Portugues com contribuições em varias areas do conhecimento como cartografia alias a escola de sagres tinha importante e discivos Mestres judeus, E na 2 guerra mundial muito ouro judeu veio para portugal. E por isso ficava bem ao Presidente e a igreja reconhecerem as persiguições aos judeus
Hollande e os encantos de Merkel
Aos bochechos Hollande vai-se rendendo à Realpolitik alemã de Merker e do eixo franco-alemão. Como não poderá realizar o lírico programa socialista com que não ganhou as eleições, porque foi Sarcozy que as perdeu, passa o tempo em rnaugorações sobre o passado franco-alemão. Enfim, Hollande esconjura fantasmas franco alemães para coabitar em paz com o novo eixo franco-alemão sobre o qual a Europa terá que rolar melhor!
Coisas de alguns
O Pai de André Citroen desistiu de ser Judeu porque isso só lhe trazia problemas, e nem sequer estávamos ainda na 1º guerra... judiar não é lá muito Francês...
Comentários 68 Comentar

Últimas

Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Pub