24 de abril de 2014 às 5:48
Página Inicial  ⁄  Sociedade  ⁄  Google assegura que serviço Street View é legal

Google assegura que serviço Street View é legal

O Google diz que o Street View é legal porque permite desfocar rostos e matrículas.
Lusa
A Comissão Nacional de Protecção de Dados proibiu o Google de recolher imagens para o Street View Paul Sakuma/AP A Comissão Nacional de Protecção de Dados proibiu o Google de recolher imagens para o Street View

A Google afirmou hoje que o serviço Street View é legal em Portugal e garante que tem tecnologia que permite desfocar automaticamente rostos e matrículas de carros, reagindo à proibição da Comissão de Proteção de Dados.

"O Street View já provou ser uma ferramenta útil e popular junto dos portugueses e é legal em Portugal", refere a empresa numa nota enviada à agência Lusa, adiantando que já notificou as autoridades portuguesas relevantes de que iria regressar a Portugal para continuar a recolher imagens.

A Comissão Nacional de Protecção de Dados (CNPD) proibiu este motor de busca de recolher imagens em Portugal para o serviço Street View por considerar que não está garantido o anonimato de pessoas e veículos.

Google garante anonimato 


A Google garante que esse anonimato está assegurado embora reconheça que o sistema pode ocasionalmente falhar.

"A Google utiliza tecnologia para desfocagem automática das caras e matrículas dos carros. Apesar de poder falhar, ocasionalmente, nalgum rosto ou matrícula automóvel a tecnologia utilizada desfoca a maioria das imagens e revela-se uma ferramenta eficaz", refere a empresa.

Relativamente aos casos em que um rosto ou matrícula de carro surja sem desfocagem, adianta a Google, qualquer pessoa pode utilizar a opção "reportar um problema" à empresa.

Ruas portuguesas fotografadas 


O Google anunciou esta semana ter voltado a registar fotograficamente as ruas portuguesas para o serviço Street View, mas a CNPD acha que não estão ainda reunidos os requisitos legais necessários para a publicação online das imagens.

A porta-voz da CNPD, Clara Guerra, explicou à Lusa que numa reunião entre a comissão e o Google, a empresa deu garantias de que as imagens de pessoas e de matrículas de veículos disponibilizadas no serviço não permitiriam a sua identificação.

Comentários 8 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
o que é que isso interessa?
Foi apanhado na foto com a sua amante no dia em que disse que ia ao jogo de futebol? Paciência, não tivesse mentido.

Legal ou ilegal, o que é certo é que o Google Street View dá um jeito do caraças, só em quem nunca precisou dele é que se podia lembrar de o proibir...
De vez em quando lembram-se...
Mas para quê tanta polémica com um serviço que tira fotos, se depois está toda a gente que protesta no Facebook à hora de trabalho?

Enviam prendas do Farmville às 10 da manhã, usando os computadores e a rede do serviço...e insurgem-se contra o Google?

Não querem ser fotografados na rua...e publicam coisas nos youtubes e facebooks e quejandos que por aí há? Alguns até publicam voluntariamente fotos e vídeos a fazer figuras ridículas que deviam esconder!
Usam cartões multibanco a torto e a direito...e é o Google View que lhes devassa a privacidade?

Haja juízo!
Até nos provadores de roupas das lojas há câmaras (sorria, está a ser filmado), deixem o Google em paz que é um serviço útil.
A CNPD e o sexo dos anjos.
A decisão da CNPD apenas demonstra a sua própria incompetência, na avaliação das tecnologias que pretende supervisionar.

Quem perde é quem fica impedido de aceder a essa facilidade/serviço.

...que mais cedo ou mais tarde, queira a CNPD ou não, acabará por se massificar.
O "Big Brother" apodreceu a cabeça das pessoas...
Há gente a quem faz confusão a noção de que o cidadão comum tenha uma palavra a dizer sobre as fotos que são publicadas sobre este último? Que tenha direito de escolha sobre a auto-imagem? A sério?
Conversa da treta... Ver comentário
Re: Conversa da treta... Ver comentário
A lógica da batata :))
A pequena-grande diferença é que o meu caro entende que individualmente qualquer um pode ... devassar livremente a imagem dos que se "atrevem a sair á rua". Têm é que o fazer ás escondidas, cada um de per si, no recato do seu "album/arquivo".
Para si o pecado é que essas imagens sejam partilhadas, mesmo que -individualmente- todos as possam visionar! :))

Quantos exemplos quer de que essa versão é uma falácia, sem qualquer correspondência com a realidade ?

Pode começar aqui no Online, verificando quantas centenas ou mesmo milhares de pessoas estão presentes em fotografias captadas em ESPAÇOS PÚBLICOS, sem que o seu "respeito" fosse tido nem achado !

Se quer sair á rua sem que o reconheçam, é simples: Passe a andar de burca. Não pode é ir a França :))
p/CKAGE ... caiu aqui por lapso. Ver comentário
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub