21 de Agosto de 2014

Em nome do outro (nem do Pai nem do Filho)

Comendador Marques de Correia |
Já nem generoso se pode ser, sem vir um tipo qualquer (suspeito, ainda por cima) dizer que acha estranha tanta generosidade. Por mim, estou disposto a receber do senhor José Guilherme o que ele, na sua imensa bondade, entender por bem fazer-me chegar, ao mesmo tempo que cá estou a defender o Ricardo, ao contrário dos vira-casacas!
O acordo foi assinado por Hubert Frach, vice-presidente comercial da Emirates,e Domingos Soares Oliveira, administrador-executivo da SAD do Benfica

Emirates aterra na Luz

Isabel Paulo |
Benfica assinou um acordo com a Emirates, válido por dois anos. Clube e companhia aérea afirmam tratar-se de parceria "importante" mas guardam segredo dos valores envolvidos na operação.   

O ano começa na terceira semana de Agosto

Henrique Raposo |
Participar no campeonato dos palpites futebolísticos aqui do Expresso tem sido uma das coisas mais divertidas dos últimos anos. E sublinho a palavra "divertida". Porque aquilo é para levar no espírito futebolístico, perdão, no espírito benfiquista. Se estivesse interessado em ganhar a todo o custo, limitar-me-ia a repetir esta ...
O Béla é o monstro

O Béla é o monstro

Rodrigo |
Visite os cartoons de Rodrigo publicados no Humoral da História . Rodrigo Cartoon anterior: Boko Harém Twitter: @RodrigoCartoon https://twitter.com/rodrigocartoon Facebook: RodrigoCartoon http://www.facebook.com/myeditorialcartoons
Não há Béla sem senão
AFP/Getty Images

Não há Béla sem senão

Pedro Candeias |
Benfica perdeu pela segunda vez consecutiva uma final europeia, a oitava da sua história. Aconteceu em Turim, nos penáltis, diante do Sevilha (4-2). Maldição de Béla Guttman continua atualizada.  

1988: Benfica a preto-e-branco

Henrique Raposo |
Se a memória não me falha, e nunca falha, o meu velho comprou a primeira televisão a cores da Rua MFA, a minha rua. Estávamos em 1984. O velhinho monitor a preto-e-branco foi recambiado para a minha avó, e ali ficou até 1996, ano em que ela morreu. Éramos um bocadinho diferentes na altura, não é? Não éramos mãos largas, ...
Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub