24 de outubro de 2014
Nobel da Paz condena homossexualidade
Getty Images

Nobel da Paz condena homossexualidade

Maria Luiza Rolim (www.expresso.pt) |
Ellen Johnson Sirleaf, Presidente da Libéria, concorda com lei em vigor no seu país que criminaliza a "sodomia voluntária". Posição da Nobel da Paz choca comunidade internacional.

União Europeia felicita laureadas

Lusa |
"Trata-se da vitória de uma nova África democrática e de um novo mundo árabe democrático que vivem em paz e respeitam os direitos humanos", pode ler-se no comunicado conjunto dos presidentes da UE e da Comissão Europeia.
A Presidente da Libéria visita Sinje, no norte do país. Sirleaf, 67 anos, é economista, viúva e tem quatro filhos

Revolução para as mulheres

Manuela Goucha Soares (texto) e Luiz Carvalho (foto), enviados à Libéria (www.expresso.pt) |
Recorde entrevista de Ellen Johnson Sirleaf ao Expresso, em 2006. Primeira Presidente eleita na Libéria e em África diz que recusa o julgamento de crianças e jovens. E quer seguir o modelo de desenvolvimento do Brasil.

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub