25 de abril de 2014 às 2:49
Página Inicial  ⁄  Economia  ⁄  WorldGMC  ⁄  Erros a evitar nas finanças

Erros a evitar nas finanças

Emanuel Silva, presidente do conselho de administração da Intermoney Portugal, chama a atenção das equipas do Global Management Challenge para falhas que não devem cometer no domínio das finanças.

Maribela Freitas (www.expresso.pt)

As finanças de uma empresa envolvem tanto a política de gestão de recursos no curto prazo como no longo prazo, adaptando a estrutura de capital da organização por forma a atingir os objetivos definidos. Para que as equipas do Global Management Challenge dominem a área das finanças, Emanuel Silva explica o que devem evitar fazer nesta matéria.

Um dos principais erros a evitar é o endividamento excessivo. "O excesso de investimento em projetos de crescimento sem garantia de retorno a médio e longo prazo e a falta de acompanhamento no terreno por parte das equipas de gestão são os erros mais comuns e que devem ser evitados. Para o efeito convém ter uma equipa experiente e dinâmica que possa decidir sobre a melhor forma de posicionar a empresa a cada momento", explica o presidente do conselho de administração da Intermoney Portugal.

Acrescenta que os erros evitam-se pela correta análise de todos os riscos, ou seja, o gestor e a sua equipa devem conhecer o negócio e estar perfeitamente identificados com todos os possíveis riscos em que podem incorrer em qualquer das atividade em que estão envolvidos. "Não sendo possível evitar o erro, devemos ser rápidos na sua resolução, daí a importância das equipas de gestão estarem presentes no terreno", salienta Emanuel Silva. Na sua perspetiva, não é possível fazer gestão à distância, nem é possível fazer gestão não conhecendo o negócio, os meios e recursos existentes.

Às equipas em prova no Global Management Challenge o presidente do conselho de administração da Intermoney Portugal aconselha a "avaliarem, analisarem e atuarem não somente com base nas melhores técnicas, mas também com base na perceção da equipa e no que consideram como mais adequado para a empresa a cada momento. A experiência e um bom conhecimento técnico são uma combinação poderosa que dará frutos positivos quando bem aplicada".

Comentários 1 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Esta é que é a verdade.
Aí está o cerne da questão, que muitos não querem ver, ou porque são corruptos ou incompetentes.
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub