Anterior
Parque das Nações pode ficar sem limpeza e recolha de lixo
Seguinte
PSP e Fisco na rua atrás de sinais exteriores de riqueza
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >   Empresa administrada por Relvas sob investigação

Empresa administrada por Relvas sob investigação

A Finertec, empresa em que o ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares já desempenhou funções de administrador, foi investigada por suspeitas de fraude e evasão fiscal.
Empresa administrada por Relvas sob investigação

A edição da "Visão" desta semana revela que a Finertec, empresa que o ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares Miguel Relvas já administrou, foi alvo da "Operação Furacão", por suspeitas de fraude e evasão fiscal.

A investigação à empresa com sede em Lisboa e ligações a Angola resultou em pelo menos três arguidos.

Na mira da equipa de investigadores esteve também o Banco Fiduciário Internacional (BFI), sediado em Cabo Verde e que figura nos registos oficiais como o único acionista da Finertec.


Leia mais na Visão

Opinião


Multimédia

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 50 Comentar
ordenar por:
mais votados
Censura no expresso
No Expresso Online a Censura existe!!!
Porque viola o Exp.Online os seus termos de utilização, censurando e apagando utilizadores válidos que nunca aqui fizeram qualquer comentário ofensivo?
Existe aqui um botão com o nome "Regras de Utilização", em que se afirma textualmente no ponto 5:

«Nunca estarão em causa questões de opinião, mas apenas a utilização de linguagem imprópria ou injúrias a terceiros.»

Ora não existindo "linguagem imprópria ou injúrias a terceiros." que mais poderá existir para que ultimamente diversos utilizadores tenham visto TODOS os seus comentários apagados, e noutros casos estejam IMPEDIDOS DE ACEDER ao Expresso Online, sem sequer terem sido avisados por email? Porque não responde o Expresso Online aos utilizadores que colocam questões no endereço que ele próprio fornece para o efeito? Que se passa aqui, QUE UM SIMPLES ADMINISTRADOR DE FÓRUM PODE APAGAR UTILIZADORES usando para o efeito os seus próprios critérios altamente discricionários e que violam os próprios termos de utilização!

Como funciona esta comunidade, em que até é necessário efectuar "crossposting" para várias notícias, para SE PODER PROTESTAR LEGITIMAMENTE contra a discricionariedade de qualquer fulano, que por iniciativa própria ou a pedido de terceiros, resolva CENSURAR sem qualquer motivo válido, utilizadores que nada fizeram de errado? Sim, trata-se de eliminação de utilizadores e de comentários educados por parte do gestor do Fórum!!!!!! ...
Possivelmente o censor é automático.
o descaramento da Visão
estes jornalistas não aprendem. Fazem-se ameaças, pressões, injúrias e chantagens e mesmo assim têm a desfaçatez continuar a publicar notícias que prejudicam a imagem do Relvas. E depois ainda dizem que o tipo é que é o mau da fita. Não há direito.
O Relvas está virgem....................
Re: E um santo tem lugar de destaque no andor que
Re: E um santo tem lugar de destaque no andor que
Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: Omertá do PSD à siciliana !!
Re: o descaramento da Visão
Re: o descaramento da Visão
o descaramento da falta de Visão
Re: o descaramento da falta de Visão
Relvas: As empresas são o espelho do administrador
Relvas é apenas o protótipo do político moderno português.

Para subir na hierarquia partidária, teve de assustar, ameaçar, enganar, esconder, simular, esmagar opositores, faltar ao acordado, etc., etc.

Uma pessoa que vive 24 horas por dia num ambiente desses, como pode ser sério, honesto, cidadão responsável?

Claro que as empresas administradas por um indivíduo desse género, não podem ter uma administração sadia.
Seria antinatural, que essas empresas respirassem seriedade, respeitabilidade, honorabilidade!
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Re: Relvas: As empresas são o espelho do administr
Acima de qualquer suspeita
São empresas e pessoas acima de qualquer suspeita, gente séria, está tudo dito, pois então.
Empresa sob investigaão......
Última hora............ Resistente (seguir utilizador), 2 pontos , hoje às 18:01 "A VISÃO apurou que a Finertec foi investigada no âmbito da Operação Furacão, na sequência de suspeitas de fraude e evasão fiscal.

A equipa do procurador Rosário Teixeira investigou também o Banco Fiduciário Internacional (BFI), com sede em Cabo Verde, que aparece nos registos oficiais como o único acionista da Finertec.

Segundo fonte policial, já foram constituídos três arguidos. Os factos em investigação remontam a 2006, dois anos antes da entrada em funções de Miguel Relvas."

Re: Empresa sob investigaão......
Um papalvo destes !!

Ainda é capaz de vir dizer que pensava ser o bilhete de identidade 2.

Este Banco e outros 2, o Insular e o do Atlântico Sul, serviram de desnatadeiras a uma casta de laranjas, autores do assalto ao BPN, via offshores.

Sigam o Coimbra, sócio desta gentalha toda, administrador residente por conta do BPN, vendedor quase porta-a-porta de Fundos de Investimento liderados pelo Fiduciário.

Azar o deles ao velho O Costa não ter ainda dado um treque, pois estaria encontrado o único culpado.

Atente-se que nenhum destes utilizadores da desnatadeira em Cabo Verde foi sequer capaz de ajudar aquando do rebentamento da bronca. Todos se fecharam em copas, todos se serviram da "omertá" siciliana a que estão obrigados pelo Partido. Ninguém sabia destes 3 Bancos !!

Com Duarte Lima a botar a boca no trombone, estou em crer que não quererá cair sozinho. MAs está sujeito à cicuta. Ele que se resguarde !!
Ó RELVAS! TENS O RABO COMPRIDO!
Lá vais ter de aplicar a mesma receita do Público!
É melhor gravares um discurso para os casos que vêm a caminho! Depois envias somente a ameaça gravada! Ficas com mais tempo para ti!
!!! Censura no Expresso Online !!!
No Expresso Online a Censura existe!!!
Porque viola o Exp.Online os seus termos de utilização, censurando e apagando utilizadores válidos que nunca aqui fizeram qualquer comentário ofensivo?
Existe aqui um botão com o nome "Regras de Utilização", em que se afirma textualmente no ponto 5:

«Nunca estarão em causa questões de opinião, mas apenas a utilização de linguagem imprópria ou injúrias a terceiros.»

Ora não existindo "linguagem imprópria ou injúrias a terceiros." que mais poderá existir para que ultimamente diversos utilizadores tenham visto TODOS os seus comentários apagados, e noutros casos estejam IMPEDIDOS DE ACEDER ao Expresso Online, sem sequer terem sido avisados por email? Porque não responde o Expresso Online aos utilizadores que colocam questões no endereço que ele próprio fornece para o efeito? Que se passa aqui, QUE UM SIMPLES ADMINISTRADOR DE FÓRUM PODE APAGAR UTILIZADORES usando para o efeito os seus próprios critérios altamente discricionários e que violam os próprios termos de utilização!

Como funciona esta comunidade, em que até é necessário efectuar "crossposting" para várias notícias, para SE PODER PROTESTAR LEGITIMAMENTE contra a discricionariedade de qualquer fulano, que por iniciativa própria ou a pedido de terceiros, resolva CENSURAR sem qualquer motivo válido, utilizadores que nada fizeram de errado? Sim, trata-se de eliminação de utilizadores e de comentários educados por parte do gestor do Fórum!!!!!!
PS: PODEM APAGAR ESTE TB!
Re: !!! Censura no Expresso Online !!!
Re: !!! Censura no Expresso Online !!!
Re: !!! Censura no Expresso Online !!!
Re: !!! Censura no Expresso Online !!!
O caso de Relvas
O Relvas ainda vai dar muito que escrever, por muito que se escreva uns a criticar outros elogiar, o Marcelo a dizer que está meio morto, e o proprio a firma que sai desta mais forte, e outras tantas de Sr. do PSD que escolhem Cabo Verde, por? e agora temos a Ferreira Leite a dizer que estão a estragar a Economia do País! ó carago, não foi ela que assacinou as firmas com impostos? que falta de memoria, e porque fala? e diz tanta asneira sobre economia, sempre gastou mais que recebia e as firmas a pagar incompetencia, fala assim porque não gosta de Passos Colheo! ou das firmas portuguêsas que não tenham na administração politicos do PSD. e só o governo do PS é culpado. que Hipocrisia Politica!
Basta!
Já cheira a perseguição sem freio esta campanha contra o Miguel Relvas!Mas que diabo tem o Relvas a ver com a administração da Finertec à data de 2006,se o homem só foi para lá dois anos depois?Claro que já toda a gente viu a causa desta perseguição da SIC-VISÃO:trata-se da privatização da RTP,não é?Mas podiam ser mais claros e dizer:isto vai-nos ao bolso e como tal temos que abater o principal impulsionador da privatização desse monstro,sorvedouro de tantos fundos públicos!Esta é que é a verdade!
Campanha nojenta!
Estive mesmo agora a ler o artigo na VI^SÃO. E a conclusão a que se chega esta:Miguel Relvas devia processar estes dois pasquins - Expresso e Visão - pela perseguição abjecta que lhe estão a mover!E a ERC devia providenciar para que estas situações não se repitam!É assombroso como manipulam factos que não têm nada com a realidade!Que culpa tem o Relvas por factos que até nem está provado que tivessem ocorrido numa empresa de que foi administrador só dois anos depois?É chocante e mesmo abusivo!Quanto aos coomentáris que por aqui pululam,só demonstram o ódio que grassa nos incompetentes e frustrados destes xuxas corruptos!
Há tanto que nos une
Quando leio noticias sobre ameaças, corrupção, aldrabice, trafulhice e muita mentira, tenho a mais nitida impressão de que estou lendo um jornal brasileiro.
Será que o Relvas andou fazendo mestrado com os seus amigos mensaleiros no Brasil?
O lula da silva sempre acusou a imprensa brasileira de ser "golpista", esta o Relvas ainda não aprendeu a dizer.
É assim tão dificil afastar este homem do cargo durante as investigações? Afinal Portugal é um país europeu e deveria agir como tal.
CEPA TORTA
Os Limas, os Loureiros, os Coimbra, os Varas, os Relvas, os Sócrates, os Coelho, os Isaltinos e outros tantos (de diferentes cores, que não só a laranja, ou a rosa) nascidos com uma mão atrás, outra à frente, não chegaram onde estão por esforço pessoal e honesto, nem por milagre, capacidade, e muito menos devido à boa vontade dos seus pares. Chegaram lá, porque pelo caminho foram vendendo a alma, a honra e a idoneidade (se é que a receberam por educação).
Aprenderam a falar com uma linguagem que, enganando meio mundo, mostra ao outro meio, o quanto são escorregadios, dúbios, estranhos, cheios de maningância e de manchas obscuras, na sua vida profissional, política e até na escolaridade que fizeram (ou dizem ter feito), para se tornarem doutores.
Os que, vindos de famílias endinheiradas, enveredavam pela política, não tendo tamanha voracidade por ser ricos (já o eram) e "importantes", foram usando uma maningância velada, que lhes permitia também, a par do proveito próprio, servir o país de uma forma mais "altruista". Estes rufias pobres, com ganância do poder e do enriquecimento, enganam, sabotam, roubam, manupilam, porque cedo querem encher o seu pote de ouro, e o seu ego de poder. Por isso de um ano para o outro tudo querem, esquecendo-se de, pelo menos disfarçar a sua gula. Quanto mais de baixo o político vem mais a baixo chega na corrida pelo poder.
Já se viu!
Foi graças a amigos como o Relvas que Passos Coelho chegou a primeiro ministro. Agora tem que pagar o favor! Nem sequer se esconde!
TRAPACEIROS.
LÁ VOLTA O EXPRESSO NO SEU MELHOR: OO TITULO NÃO CONDIZ COM A NOTICIA.FACTOS RELATIVOS A 2006 QUE O HOMEM NÃO FAZIA PARTE DA EMPRESA, POR QUE RAZÃO É ASSOCIADO O NOME, E NÃO FICA ´SO REFERENCIA A EMPRESA. DEPOIS NÃO QUEREM QUE LHES CHAMEM OS NOMES , E ASSOCIADO VEM O DESCREDITO DO JORNALISMO. RECICLAGEM PARA OS CONFUSIONISTAS.
Comentários 50 Comentar

Últimas

Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub