17 de abril de 2014 às 8:19
Página Inicial  ⁄  Economia  ⁄  Energia  ⁄  EDP financiou-se nos mercados internacionais

EDP financiou-se nos mercados internacionais

António Mexia diz que a EDP emitiu hoje 750 milhões de euros nos mercados internacionais, tendo registado uma procura para 7000 milhões. A elétrica financiou-se a uma taxa de 5,75% para um empréstimo a cinco anos.
Comentários 5 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
EDP: Juros a 5,75% de 750 milhões; é muita guita!!
E havia mesmo necessidade?

Os juros são bastante elevados (5,75%)

Estou admirado com a posição dos chineses, que estão calados e tranquilos.

O trafulha do Passos Coelho disse que a
electricidade podia baixar. Quem privatizou o monopólio da EDP na totalidade devia ser preso. Assim como a Galp,Correios a privatizar, etc.etc.etc. cambada de traidores...
Pergunta
Curiosamente a taxa de emissão (5,75%) é exactamente o valor do ganho na TSU para a EDP em 2013, (5,75%). Isto há coisas do demo !

É a esta empresa que se refere José Gomes Ferreira ontem no painel.

expresso.sapo.pt/ricardo-costa-estamos-a-sentir-o-fim-de-um-ciclo-num-governo-que-t em-um-ano=f753178

acusando-a de pedir um empréstimo de centenas de milhões de € para distribuir dividendos aos accionistas ? Acho que sim. E é a este empresa que se vai distribuir .. deixa cá ver...

Infelizmente só temos valores para o Grupo, do relatório e contas 2010, são aprox. 240 milhões em remunerações por semestre para os 12000 colabs. do grupo EDP. Sim, não inclui só Portugal, mas os gastos com pessoal também não incluem só Portugal. Sabe-se até que a média de vencimentos no Brasil e em Espanha até é maior que cá por isso este valor será conservador.

Isto dá um ordenado médio de 2857€ / colaborador / mês.

Portanto a poupança anual na TSU vai ser 2857 x 5,75% x 14 x 12000 =

27,6 milhões de €.

Bem bom. Dava para contratar mais de 1000 empregados !

Ou não !
Porquê
Alguém me explica porque raio se foi esta empresa ENDIVIDAR (sim, aquilo de "mercado" só se for de agiotas) quando nem há 2 meses se financiou até 2015?

Este VÍCIO de contraír dívida é justamente a parte que tem que ser controlada, senão andamos aqui a fazer sacrifícios para absolutamente nada, já que o governo no final volta aos "mercados" e vai-se endividar novamente.
Fazer empréstimos sem necessidade...


Depois o país está endividado....
PQP!
Somos todos uns Palhaços nas mãos destes desgraçados!

PQP!
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub