Siga-nos

Perfil

Economia

WorldGMC

Vencer a final nacional

  • 333

É o objetivo traçado por Silvana Freitas para a equipa que lidera, a CGD Coimbra Centro.

Terminou esta semana a segunda volta do Global Management Challenge 2015 e são já conhecidas as oito equipas que vão disputar a final nacional, agendada para dia 16 de novembro. A CGD Coimbra Centro é uma delas. Silvana Freitas, chefe desta formação conta que "chegados a esta fase, o objetivo é vencer tendo sempre presente que o nível de exigência da competição aumentou, dado o elevado valor das restantes equipas que connosco estão a disputar a próxima fase". O trabalho de preparação para a derradeira etapa desta 36.ª edição do Global Management Challenge passa, segundo esta participante, pelo aperfeiçoamento a nível de organização, no sentido de melhorar a comunicação e o trabalho em equipa, atendendo a que o tempo útil para cada decisão na última etapa da prova é substancialmente mais reduzido que nas fases anteriores.

A CGD Coimbra Centro é constituída por cinco quadros da Caixa Geral de Depósitos, com idades entre os 29 e os 41 anos e formação superior nas áreas de economia e gestão de empresas. Para Silvana Freitas uma mais-valia importante decorrente da participação refletiu-se numa capacidade de análise mais abrangente e na melhoria da tomada de decisão perante diversos cenários alternativos, em contexto empresarial, onde era necessário conjugar e testar o impacto de diversas variáveis no desempenho do investimento, face aos concorrentes diretos. "Esta consolidação de competências acaba por ser transferida para a nossa atividade diária de relacionamento com os clientes do segmento de empresas do banco, o que representa também uma mais valia profissional para cada um dos elementos da equipa", finaliza a líder da CGD Coimbra Centro.