Siga-nos

Perfil

Economia

WorldGMC

Manter o plano de trabalho

  • 333

André Pinheiro, chefe da equipa EDP-Não_Digo, acredita que a estratégia de atuação deve ser alinhada logo no início da segunda volta e mantida até ao final.

A equipa EDP-Não_Digo é formada por três estudantes de engenharia biomédica com idades entre os 23 e os 24 anos. Na opinião de André Pinheiro e para se ser bem sucedido na prova o ideal é “delinear uma estratégia logo no início, pois é fundamental pensar a longo prazo e estabelecer um plano para as cinco decisões. No entanto, temos sempre de nos moldar aos novos cenários e à atividade dos concorrentes. A empresa deve ser robusta e ao mesmo tempo adaptável e resiliente, procurando antecipar o futuro e continuar a crescer e a ser competitiva”.

Em segundo lugar no grupo 5, a EDP-Não_digo está a preparar-se para a tomada da última decisão da segunda volta. Para o líder “embora a concorrência seja muito forte, com formações que denotam experiência, acreditamos que poderão existir mudanças relevantes na classificação, permitindo-nos atingir o primeiro lugar”.

Até aqui e para os elementos desta equipa, o Global Management Challenge deu-lhes a oportunidade de gerirem uma empresa virtual mas com situações imprevisíveis, como acontece no mundo empresarial. “Como estudantes de Engenharia Biomédica temos uma formação bastante diversificada e interdisciplinar que nos permite ter várias abordagens para encarar os problemas. Consideramos assim que esta competição é uma ferramenta bastante útil para complementar a nossa formação, levando-­nos a aplicar a teoria à prática”, finaliza André Pinheiro.