Siga-nos

Perfil

Economia

WorldGMC

Avaliar talento

  • 333

O apoio à participação de equipas de estudantes no Global Management Challenge é uma forma de muitas empresas se aproximarem do mundo académico e avaliarem o perfil de jovens a contratar.

A edição de 2015 do Global Management Challenge começou em maio com a participação de 230 equipas de estudantes e destas, actualmente, estão 30 a disputar a segunda volta. Para muitas empresas apoiar a participação de formações de jovens universitários na prova, permite-lhes avaliar talento e manter uma relação de proximidade com o meio académico.

Esta ideia é corroborada por Vasco Falcão, director geral da Konica Minolta Portugal. A multinacional tem vindo a apostar ao longo dos anos no apoio a equipas de estudantes no Global Management Challenge e esta edição não foi exceção. “Temos uma responsabilidade social de fazer a ligação entre as empresas e as universidades e achamos que participar neste desafio é uma forma de fazer essa ponte”, explica Vasco Falcão. Conta ainda que ao apoiarem a participação de estudantes nesta iniciativa de estratégia e gestão estão a dar-lhes a oportunidade de interagirem com um ambiente empresarial e de verem aquilo que poderão vir a ter de enfrentar no seu futuro profissional. Em contrapartida, a multinacional pode conhecer melhor os jovens talentosos que apoiou.

Para a Konica Minolta estar ligada a esta competição, representa também o acesso a informação sobre universidades. “Pelos resultados globais obtidos no Global Management Challenge percebemos quais são as escolas que obtém os melhores resultados e podemos orientar o trabalho dos recursos humanos nesse sentido”, finaliza Vasco Falcão.