Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

PS apresentará programa de Governo a 6 de junho

  • 333

O estudo macroeconómico pedido pelo PS a um grupo de economistas será conhecido na próxima terça-feira e só então será possível "assumir compromissos".

António Costa disse esta sexta-feira, durante a conferência anual do "Jornal de Negócios", que tem sido "muito prudente" por se recusar a "assumir compromissos" antes de ser conhecido o cenário macroeconómico para a próxima legislatura, encomendado pelo PS a um grupo de economistas e que será apresentado na próxima terça-feira ao meio dia.

É a partir desse cenário que se vão conhecer as medidas, esclareceu Costa durante a conferência, na qual se recusou a responder a algumas questões que lhe foram colocadas, como se se será possível respeitar o tratado orçamental sem cortes nos salários e pensões, remetendo a resposta para a próxima semana. 

A partir da publicação do cenário, que "simula um conjunto de políticas", será possível definir "a margem ou ausência de margem para elaboração do programa do Governo". 

O líder do PS disse ainda que o programa de Governo será conhecido no dia 6 de junho, quatro anos e um dia depois das eleições legislativas de 2011 (realizadas a 5 de junho de 2011), nas quais foi eleito o atual Governo.