Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Neves Adelino demite-se da administração da Cimpor

Renúncia a 26 de novembro foi esta sexta-feira comunicada à CMVM.

Raquel Pinto

Raquel Pinto

Jornalista

A Cimpor comunicou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a renúncia de um dos seus administradores - José Manuel Neves Adelino.

Era membro do Conselho de Administração da Cimpor desde 2010.  Precisa a nota enviada na tarde desta sexta-feira, que a saída ocorreu a 26 de novembro, por "motivos de maior dedicação a outro cargo recentemente assumido".

A cimenteira agradece o "inestimável contributo para o desenvolvimento, consolidação e crescimento desta companhia".

Doutorado em Finanças pela Kent State University, no Ohio, EUA, e professor catedrático de Finanças na Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa, Neves Adelino, de 60 anos, ocupa atualmente outros cargos. Entre eles, é membro executivo do conselho de administração da Fundação Calouste Gulbenkian [substituiu Diogo Lucena em fevereiro deste ano ao transitar da direção do Serviço de Finanças e Investimentos, onde estava desde 2012], vogal do Conselho de Administração e da Comissão de Auditoria da Sonae e vogal do Conselho Fiscal do BPI.