Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Troika admite redução de IRC para 10%

O deputado social-democrata Miguel Frasquilho afirmou hoje que a ´troika' demonstrou uma "abertura grande" para considerar medidas de apoio ao investimento como a descida para 10% do IRC.

O deputado social-democrata Miguel Frasquilho afirmou hoje que a ´troika' demonstrou uma "abertura grande" para considerar medidas de apoio ao investimento como a descida para 10% do IRC para novos investimentos.

"Recebemos da parte das instituições uma abertura grande para nesta parte dedicada ao funcionamento da economia e ao apoio ao investimento, ao crescimento e criação de emprego, uma grande abertura para que possam ser consideradas medidas que o próprio governo tem vindo a manifestar, e recordo por exemplo como o próprio Governo tem vindo a exemplificar a possibilidade da taxa de IRC poder ser reduzida para novos investimentos", afirmou o deputado.

Miguel Frasquilho afirmou que os sociais-democratas manifestaram "o total comprometimento da parte do Governo de seguir o caminho de ajustamento" mas também que no entender do partido o programa de ajustamento português tem de ter uma componente de crescimento.

"Manifestamos também a nossa visão de que o crescimento económico não pode estar fora do programa, tem de estar dentro", disse o deputado, no final da reunião entre os representantes da comissão parlamentar que acompanha a implementação das medidas do programa e os chefes de missão do Fundo Monetário Internacional, da Comissão Europeia e do Banco Central Europeu.