Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Imobiliário em alta. Veja as zonas de Portugal onde as casas são mais caras

  • 333

A Avenida da Liberdade é uma das zonas mais caras de Portugal

João Carlos Santos

Valor das casas nos locais de maior procura está a subir. Lisboa lidera nos preços e a procura por parte de estrangeiros influenciou a valorização dos imóveis nalguns  locais.

Marisa Antunes

Jornalista

Lisboa, Cascais, Oeiras e Porto são as zonas do país onde os preços médios das casas atingiram os valores mais altos do mercado. A análise, por freguesia, mostra ainda que o interesse dos estrangeiros direcionou a valorização dos imóveis para determinados locais, e é onde hoje se regista maior pressão destes clientes, com poder de compra, que se encontram também os preços mais elevados por metro quadrado. 

Na capital, é na freguesia de Santo António, que inclui entre outras as Amoreiras, a Rua Castilho ou a Avenida da Liberdade, que se pratica o metro quadrado mais elevado do país. Uma casa do segmento de luxo com 150 m2 custa pouco acima de um milhão e na gama média €580 mil. Números do SIR (Sistema de Informação Residencial da Confidencial Imobiliário, empresa independente orientada para os profissionais do sector) mostram ainda que, no top3 do ranking dos imóveis da gama média mais caros em Lisboa, se encontra a freguesia da Misericórdia (onde se localizam o Chiado e a Estrela) e as Avenidas Novas, onde o metro quadrado da gama média é de €3588 mas a gama alta dispara para os €6800. A freguesia de Santa Maria Maior (Sé, Castelo, entre outros bairros) já ultrapassa a do Parque das Nações, e ocupam respetivamente quarta e quinta posições.

Leia mais na edição deste sábado