Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Economia

Greve vai parar Metro de Lisboa

  • 333

Os trabalhadores voltam a protestar esta terça-feira contra as medidas do Governo

Raquel Pinto (www.expresso.pt)

O Metropolitano de Lisboa prevê a paralisação da circulação na terça-feira, entre as 6h e as 10h, devido à greve parcial convocada pela Federação de Sindicatos de Transportes e Comunicações (FECTRANS).

A empresa refere em comunicado que "o serviço será normalizado a partir das 10h30".

Este é o segundo período de greve em menos de uma semana - o anterior ocorreu no passado dia 17 com adesão de 100%, de acordo com o sindicato.

A greve da FECTRANS afeta os trabalhadores em geral, entre as 5h30 e as 10h, enquanto os funcionários administrativos, apoio e técnicos superiores, têm paragem prevista a partir das 8h até às 12h.

Os trabalhadores lutam "contra os roubos dos seus salários, subsídios de férias e de natal e pela manutenção dos postos de trabalho", de acordo com uma nota do sindicato, que menciona ainda que a "luta encerra um conjunto de problemas colocados aos passageiros que assentam em mentiras sucessivas do Governo".

Porque lutam os trabalhadores do Metro?