Siga-nos

Perfil

GIC - Global Investment Challenge

GIC 2015

Conhecer os mercados

  • 333

Luís Mota está a participar pela primeira vez no Global Investment Challenge (GIC) e conta que foi o interesse pela área financeira que o fez avançar com a inscrição neste jogo.

O gosto pelos mercados financeiros e a recomendação de um amigo pesaram na decisão de Luís Mota, estudante, de 18 anos, de integrar o GIC 2015/16. Explica que nesta competição pretende “adquirir experiência prática sobre os mercados de investimento, visto que é a área onde quero prosseguir os meus estudos”. Do que experimentou até agora defende que o GIC é “a forma mais fácil de aprender sobre estas matérias. É mais simples compreender os instrumentos conseguindo juntar conhecimentos teóricos com práticos do que apenas com a teoria”.

Durante as semanas de jogo este participante tem comprado ações a baixo preço e depois espera que valorizem. Tem também estado atento às notícias macroeconómicas com o intuito de conseguir fazer investimentos em forex. A nível do desempenho já teve alguns atrasos devido a más aplicações de capital, nomeadamente no mercado cambial.

Em todo este processo Luís Matos aprendeu que o forex é “o instrumento mais valioso para este tipo de concurso pois tem um nível de retorno (ou perda) muito alto e quase imediato, no espaço de poucas horas é fácil ganhar (ou perder) muito dinheiro”. Uma estratégia que pode fazer a diferença na hora de vencer esta competição.