Siga-nos

Perfil

Economia

Energia

EDP encaixa 600 milhões com a venda de mais uma fatia do défice tarifário

  • 333

Elétrica vendeu à empresa Tagus três quartos do montante do défice tarifário relativo ao sobrecusto das renováveis e da cogeração previsto para 2016

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A EDP vendeu à sociedade de titularização de créditos Tagus uma nova parcela de défice tarifário do sector elétrico, no valor de 600 milhões de euros, informou a empresa em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O défice tarifário alienado respeita ao sobrecusto da produção do regime especial (renováveis e cogeração) previsto para o ano 2016. A parcela agora cedida à Tagus representa 75% do montante que a EDP tinha disponível para titularizar. A empresa ficará ainda credora de 200 milhões de euros do défice tarifário relativo a 2016.

Aos títulos que terão como ativo estes 600 milhões de euros de défice tarifário (a recuperar ao longo dos próximos cinco anos) ficará associado um cupão de 2,42%, informou a EDP.

A operação de titularização foi coordenada pela Stormharbour Securities e pelo JP Morgan.