Siga-nos

Perfil

Economia

Energia

ERSE aplica coima de 50 mil euros à Goldenergy

  • 333

Regulador acusa a empresa de não cumprir níveis mínimos na relação com os clientes, exigindo que a Goldenergy invista num serviço de atendimento telefónico mais abrangente

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos decidiu aplicar à Goldenergy uma coima de 50 mil euros, por a empresa alegadamente não respeitar níveis mínimos de atendimento aos seus clientes.

Em comunicado, o regulador revela ainda que irá exigir à Goldenergy que passe a disponibilizar uma maior capacidade de resposta aos clientes e que reporta mensalmente à ERSE os progressos feitos em matéria de atendimento comercial.

"Porque importa assegurar a resolução dos constrangimentos detetados, a ERSE decidiu ainda a adoção de uma medida específica para o comercializador Goldenergy, a qual visa assegurar um serviço de atendimento telefónico por parte daquele comercializador corretamente dimensionado", explica o regulador.

A Goldenergy só ficará isenta da obrigação de reporte mensal de dados à ERSE quando provar ter atingido níveis de atendimento semelhantes aos obtidos pelos comercializadores de último recurso (como é o caso da EDP Serviço Universal, por exemplo).

No mesmo comunicado a ERSE diz ainda que pretende lançar até meados deste ano um processo de revisão dos regulamentos dos sectores de eletricidade e gás natural para incluir um mecanismo que permita aos consumidores serem compensados por níveis de atendimento abaixo dos padrões mínimos.