Siga-nos

Perfil

Economia

Turismo

Turismo: Procura até julho quase duplica

O Turismo de Portugal anunciou hoje que "todas as regiões" e "a generalidade" dos mercados superaram em julho as metas de crescimento para este ano.

O Turismo de Portugal anunciou hoje que "todas as regiões" e "a generalidade" dos mercados superaram em julho as metas de crescimento para este ano previstas no Plano Estratégico Nacional do Turismo e só as dormidas quase duplicaram.

"O bom desempenho da procura turística internacional permitiu, entre janeiro e julho, superar e quase duplicar (mais 186,9 por cento) as metas de crescimento de dormidas estabelecidas para todo o ano 2011 em Portugal, no âmbito do novo modelo de promoção externa regional", lê-se num comunicado do Turismo de Portugal.

Os primeiros sete meses do ano, quando comparados com 2010, geraram mais 1,48 milhões de dormidas de turistas de 12 países estrangeiros em empreendimentos turísticos, superando o objetivo de crescer mais 791 mil dormidas em todo o ano 2011.

O Turismo de Portugal adianta que a "grande maioria" destes mercados -- Reino Unido, Áustria, Suíça, França, Irlanda, Espanha, Benelux, Brasil, Estados Unidos e Itália -- já ultrapassou os objetivos de dormidas para Portugal em todo o ano e que a Alemanha está também já muito perto de atingir as suas metas.

O Reino Unido, com mais 556 mil dormidas, mais do que triplicou a meta pretendida, e a França (com mais 188 mil dormidas,) e a Irlanda (mais 40 mil dormidas) mais do que duplicaram o objetivo estabelecido, tal como aconteceu com a Suíça e a Áustria, acrescenta aquela entidade.

Nos primeiros sete meses, também todas as regiões já ultrapassaram as suas metas anuais, com destaque para a Madeira, que triplicou o objetivo de crescer 106 mil dormidas, com o contributo do Reino Unido, França e Alemanha.

O Algarve mais do que duplicou a meta de 240 mil dormidas, com mais turistas espanhóis, britânicos e irlandeses, e o Alentejo e o Centro estão perto de dobrar as suas metas, segundo o Turismo de Portugal.