Siga-nos

Perfil

Economia

Bolsa e Mercados

Ações do Banif recuperam em Bolsa

  • 333

Títulos do banco subiram 18% na abertura da Bolsa portuguesa esta quinta-feira, interrompendo o ciclo de quedas que vinha dos últimos dias, a par com uma tendência positiva da generalidade das empresas do PSI-20

As ações do Banif, que esta semana caíram para novos mínimos históricos, conseguiram recuperar parte do valor perdido, tendo iniciado a sessão de Bolsa desta quinta-feira com uma valorização de 18%, a subida mais acentuada na Euronext Lisboa.

A subida bolsista do Banif, contudo, não permite ao banco sair da situação de reduzida cotação dos seus títulos, que continuam a valer bem menos de um cêntimo: nos primeiros minutos de negociação desta quinta-feira as ações eram transacionadas a 0,0026 euros (ou 0,26 cêntimos, pouco mais de um quarto de cêntimo).

Nos últimos dias os papéis do banco, que foi alvo de uma intervenção estatal, sofreram uma forte desvalorização devido à incerteza dos investidores sobre o futuro do Banif, nomeadamente a capacidade do banco de devolver a ajuda recebida do Estado português através de instrumentos de capital contingente (também conhecidos pelo acrónimo CoCo, de Contingent Convertible capital instruments). Se tal não acontecer, a dívida ao Estado poderá ser convertida em capital, o que diluirá ainda mais a posição dos atuais acionistas.

Na primeira hora de negociação na Bolsa portuguesa esta quinta-feira, o índice PSI-20 apresentava uma subida de 0,96%, impulsionada pela valorização de várias empresas de referência, como o BPI (a subir quase 6%), a Galp (a valorizar 0,7%), a Jerónimo Martins (em alta de 1,4%) e a Pharol SGPS (numa tendência positiva em torno dos 4%).

  • As ações do Banif desceram esta terça-feira 7,7%, para um novo mínimo histórico de €0,0024. Na última semana e meia o banco perdeu 30,5% do seu valor. O facto de ser uma ação com um preço muito baixo, as incertezas sobre o futuro do banco e a queda do sector da banca em Bolsa contribuem para a descida

  • Um café custa... 250 ações do Banif

    O Banco Internacional do Funchal continua a cair em Bolsa. Esta manhã, voltou a atingir um novo mínimo histórico. Cada ação vale 0,0026 euros. Um quarto de cêntimo

  • As ações do Banif fecharam hoje a cair 11,76% na Bolsa para um novo mínimo histórico. Dúvidas em torno do banco deram origem a onda de vendas depois de declarações de Maria Luís Albuquerque que trouxeram o Banif de novo para a agenda política. Em dois dias, o Banif perdeu 16,7% do seu valor em Bolsa.Vale 136 milhões de euros.