Siga-nos

Perfil

Economia

Banco

Operação de venda do Banif já está em marcha

  • 333

Tiago Miranda

Banco está a apresentar a potenciais compradores informação financeira detalhada para que os investidores possam preparar as suas ofertas pela posição de 60,5% que o Estado português tem no Banif

O Banif iniciou já o processo de venda da participação de 60,5% que o Estado português tem no banco, numa operação para a qual foram convidados investidores europeus e norte-americanos, segundo a edição desta sexta-feira do "Jornal de Negócios".

O processo de venda arrancou com a disponibilização de informação financeira detalhada sobre a situação do banco, para que os investidores possam avaliar se têm interesse em assumir a posição de controlo que neste momento está nas mãos do Estado português, como consequência do auxílio público ao Banif.

Segundo o "Jornal de Negócios", as regras da operação de venda preveem que os potenciais compradores façam apenas uma oferta, que terá de ter carácter vinculativo, sem oportunidade de melhoria das condições da proposta numa fase posterior.

De acordo com a mesma fonte, a data da entrega das ofertas de compra deverá ter lugar ainda no corrente mês de dezembro.

Neste momento, o Banif enfrenta uma forte desvalorização bolsista, com as suas ações a valer 0,001 euros (na quinta-feira afundaram 31% e chegaram a tocar um novo mínimo histórico de 0,0008 euros),

A participação do Estado no Banif resulta da intervenção pública no banco há quase três anos. Em janeiro de 2013, o Estado aplicou 700 milhões de euros num aumento de capital, além de investir 400 milhões de euros em títulos de capital contingente (também conhecidos pela expressão "CoCo"). Deste empréstimo de 400 milhões de euros (que tem rendido juros ao Estado) o Banif ainda tem por reembolsar 125 milhões de euros, a que se somam os 700 milhões de euros em ações. No total, o Estado tem por recuperar no Banif 825 milhões de euros.