Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Economia

CGD com prejuízos de 394,7 milhões de euros

  • 333

A Caixa Geral de Depósitos reduziu os prejuízos em 2012 face aos 488,4 milhões de 2011. Peso das imparidades continua a fazer-se sentir.

Apesar de negativos, os resultados da Caixa Geral de Depósitos  são quase 100 milhões melhores do que no ano passado", disse em conferência de imprensa José de Matos, presidente executivo do banco.

A melhoria dos resultados fica a dever-se a uma redução das imparidades e desinvestimento em participações financeiras não estratégicas, sublinhou José de Matos.

Como aspeto negativo, o gestor destaca ainda a evolução da qualidade do crédito, que piorou. "as previsões para imparidades de crédito passaram de 825,9 milhões de euros em 2011, para 1008,6 me 2012".

Houve uma redução do número de trabalhadores em Portugal em cerca de 100 pessoas, para 9.509.

O produto da atividade bancária cresceu 0,6%, para 2939,2 milhões de euros, enquanto o resultado bruto de exploração aumentou 6,5% para 1212,1 milhões de euros.

Nas operações internacionais, Espanha é a única a apresentar prejuízos. A CGD anunciou também que vai avançar com uma auditoria ao banco que tem no Brasil para esclarecer eventuais irregularidades denunciadas por um administrador.A auditoria será feita por responsáveis da CGD em Lisboa.

Quanto aos cortes salariais decretados pelo Governo, o presidente da CGD garantiu que o banco vai cumprir o que está previsto no Orçamento do Estado para este ano.