Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bolsa perde 5,36% após descida do rating

Agência de rating Standard & Poor's desceu a notação de risco de Portugal, com receios de que não consiga pagar a dívida. Risco de incumprimento aumentou para o nível mais elevado de sempre e a Bolsa afundou.

Pedro Lima (www.expresso.pt)

A Standard & Poor's reviu em baixa a notação de risco (rating) de Portugal, para A-, justificando a sua decisão com receios de que o país não consiga cumprir as suas obrigações devido à situação económica débil.

A agência de notação de risco destaca os elevados níveis da dívida e a existência de riscos fiscais.

Como consequência, o risco de crédito medido pelos CDS (credit default swap) disparou, mantendo a tendência de subida, para um novo máximo histórico. Às 16h30 estava nos 356,65 pontos, figurando no sexto lugar dos países com maior risco de bancarrota.

Já a Bolsa de Lisboa fechou com uma queda de 5,36% no índice PSI-20.