Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Banca arrasta PSI20 para terreno negativo, com BCP à cabeça

  • 333

Lisboa começou a semana com o PSI20 a cair 1%, penalizado pela quebra da banca. O BPI, sob uma OPA do Caixa Bank, lidera as perdas, com uma desvalorização de 2,7%. O BCE começa hoje o programa de compra de dívida pública da zona euro e as bolsas arrancam negativas.

A Bolsa de Lisboa começou o dia em terreno negativo, com os bancos que estão debaixo dos holofotes a registar perdas. O Banco BPI está a desvalorizar 2,7% e o BCP e a recuar 1,59%, O espanhol CaixaBank afirmou na sexta-feira que não vai rever o preço da oferta pública de aquisição do BPI em alta, apesar do conselho de administração do banco ter considerado os 1,329 euros oferecidos um valor baixo.

Em terreno negativo está também BCP. Isabel dos Santos propôs às administrações do BCP e do BPI que avaliem a possibilidade de avançar com uma fusão entre as duas instituições o que abria espaço para criar o maior banco português. O CaixaBank já veio dizer que nas atais condições não pode avaliar uma eventual fusão.

 Entre as maiores perdas na Bolsa de Lisboa está a EDP, com um recuo 1m85%, a EDP Renováveis (-1,28%), a PT (-1,27%) e a Sonae (-1,25%).O PSI-20 segue a tendência negativa que se vive nos mercados europeus, no dia em que tem início o programa de compra de dívida pública da Zona Euro por parte do Banco Central Europeu (BCE).

O alemão Dax-40 está a recuar 0,72%, o francês CAC40 está a per 0,89% e o Ibex-35 a desvalorizar 1,15%.

A marcar o dia está também a reunião do Eurogrupo, para discussão da situação da Grécia e das propostas de reforma do ministro das Finanças Yanis Varoufakis, para concluir o programa de assistência herdado do anterior governo e prolongado até Junho.