Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

"A resolução (do BES) procura poupar o contribuinte" disse Paulo Portas

  • 333

FOTO Alberto Frias

Para Paulo Portas não havia tempo para uma recapitalização do BES e a resolução era a opção mais justa por não onerar os contribuintes.

O vice-primeiro-ministro, que está a ser ouvido esta tarde na Comissão Parlamentar de Inquérito, teceu fortes criticas à nacionalização do BPN e diz que portugal não precisava de mais uma operação do género.

"A resolução do BES era a única opção, e a mais justa para os contribuintes, dada a urgência em tomar uma decisão no fim-de-semana em que o banco foi alvo de uma intervenção, no início de agosto", disse Paulo Portas.

Adiantou que a outra opção teórica era a nacinalização do banco, o que "é o pior sistema para o contribuinte". Afirmou ainda, no Parlamento, que, na altura, foi a Angola mas "não foi por causa do BES".