Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Campeões à moda de Braga

Boa casa no Forum Braga para assistir ao primeiro summit de "Os Nossos Campeões"

Paulo Duarte

Junte muito trabalho, uma boa dose de sonho e determinação Q.B. Estes podem ser os ingredientes base da receita para o sucesso, disseram ontem alguns dos "Nossos Campeões", um grupo de pessoas que têm vindo a destacar-se nas artes, no desporto, nos negócios e foram selecionadas para o novo projeto da SIC Notícias, Novo Banco e Expresso que acaba de arrancar em Braga, uma cidade que fechou 2017 a subir 1% acima da taxa média do crescimento do PIB na Península Ibérica, como destacou Carlos Oliveira, da Invest Braga

O que se faz depois de conquistar o título de campeão do mundo em K1? Continuamos a trabalhar para ganhar mais medalhas douradas e chegar ao ouro olímpico em 2020, responde o atleta Fernando Pimenta, de 29 anos, já bem habituado a subir ao pódio em competições de canoagem. E depois de construir o maior grupo português de calçado e a marca lusa de sapatos mais vendida no mundo? Acordamos às 3h da madrugada e vamos ao computador ver como estão as vendas da Overcube, responde o empresário Fortunato Frederico, de 75 anos, atento à evolução da sua nova plataforma de vendas digital.

Em Braga, na primeira etapa do projeto “Os Nossos Campeões”, que junta a SIC Notícias, o Expresso e o Novo Banco para encontrar as novas estrelas do país, Fernando Pimenta e Fortunato Frederico foram dois dos primeiros a falar das razões do seu sucesso, com exemplos de esforço e determinação perante uma plateia de 200 empresários.

No desporto como nos negócios ou nas artes, o sucesso “é sonhar e trabalhar”, “é mais o caminho do que chegar lá”, garante a fadista Gisela João, de 34 anos, também nesta primeira apresentação da nova seleção nacional, ao lado de Pedro Carreira, presidente executivo da Continental Mabor, Artur Santos, da Art´Sartorial (vestuário por medida), Olga Martins, presidente executiva da Lavradores de Feitoria, ou José Teixeira, presidente do grupo bracarense DST, onde a história se conta sem esquecer uma referência à música “Estou além”, de António Variações, para dizer “só estou bem aonde não estou”.

Num projeto que tem, também, como objetivo, “avaliar as características regionais de desenvolvimento próprio que cada concelho e cada região determinam e alavancam para o país”, “Os nossos campeões” não se apresentam como os que sabem mais, mas sim como “os que fizeram melhor”, sustentou o presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, na apresentação.

E Braga, o palco inaugural da iniciativa, com programa especial na SIC Notícias, parece encaixar bem aqui,como sublinhou Carlos Oliveira, presidente da Invest Braga, apoiado num conjunto de indicadores, do emprego às exportações: Em 4 anos, Braga criou 8 mil novos postos de trabalho, reduzindo o desemprego em 50%, e em 2017 tornou-se o terceiro maior exportador nacional, com 2 mil milhões de euros, o que corresponde a uma quota de 3,7% no volume total de vendas do país ao exterior e a um crescimento de 33% num ano. "O crescimento do PIB 1% acima da taxa média de 2,9% da Península Ibérica", disse, é apenas mais um número que pode ajudar a mostrar a fibra de campeã da cidade.

  • Não faltam campeões em Portugal. Não acredita?

    SIC Notícias, Novo Banco e Expresso foram à procura e encontraram as novas estrelas do país. Na quarta-feira, dia 11 de Julho, em Braga, assista a uma emissão especial para mostrar os primeiros nomes deste projeto, que continuará por todo o país, descobrindo novos campeões nas empresas, nas artes no desporto e na música