Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Advogados terão “mediador” para filtrar suspeitas de branqueamento

Nos últimos anos, nem os advogados comunicaram operações suspeitas nem a Ordem aplicou sanções por esses incumprimentos

Getty Images

Ordem dos Advogados vai ajudar a decidir quando as suspeitas têm de ser comunicadas

Depois de anos a ignorar as obrigações de denunciar suspeitas de lavagem de dinheiro, os advogados parecem começar, lentamente, a conformar-se com a lei. O primeiro passo será dado pela Ordem dos Advogados (OA), com a criação de uma comissão de peritos para ajudar o sector a decidir quais as operações que têm de ser comunicadas ao Ministério Público e à Polícia Judiciária.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido