Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Consumo de eletricidade no primeiro semestre cresceu 3,7%

JOEL SAGET

Portugal está este ano a gastar mais eletricidade, apesar de em junho a energia consumida no país ter ficado aquém do ano passado. No primeiro semestre as renováveis alimentaram 60% do consumo

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

O consumo de eletricidade em Portugal no primeiro semestre aumentou 3,7% em comparação com o mesmo período do ano passado, informou a REN - Redes Energéticas Nacionais em comunicado. Corrigido dos efeitos de temperatura e do número de dias úteis, o consumo apresentou um aumento de 2,9% em termos homólogos.

Considerando apenas o mês de junho, no entanto, o consumo de eletricidade em Portugal baixou 2,2% face a junho do ano passado, o que, segundo a REN, se deve ao nível de consumo especialmente elevado de junho de 2017, devido ao calor que então se fez sentir no país. Corrigido desse efeito, o consumo elétrico nacional em junho aumentou 0,2%.

Ao longo do primeiro semestre as energias renováveis produziram o equivalente a mais de 60% da eletricidade consumida no país, vindo 28% das hidroelétricas, 26% da eólica, 5% da biomassa e 1,4% da energia solar fotovoltaica. O gás natural, com 23%, e o carvão, com 17%, foram as fontes da restante produção elétrica em Portugal.