Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Empresas têm até ao fim do ano para identificar os seus donos efetivos

Marcos Borga

Sociedades, fundações, fundos fiduciários têm no máximo até ao final do ano para comunicarem os seus beneficiários efetivos

As empresas vão ter no máximo até ao final deste ano para comunicarem à Justiça quem são os seus beneficiários efetivos, isto é, quem são as pessoas singulares que, no topo da cadeia de participações, são detentores do capital ou exercem verdadeiramente o controlo.

Para continuar a ler o artigo clique AQUI