Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Novo Banco: Lone Star nomeia portuguesa para o Conselho Geral e de Supervisão

O maior acionista do Novo Banco, o fundo norte-americano Lone Star, nomeou Carla Antunes da Silva, a única portuguesa deste órgão social, para completar lista de nove elementos

Carla Antunes Silva, que está no Lloyds Bank como diretora estratégica do grupo Lloyds Bank, foi nomeada pelo Lone Star para fechar os nomes que fazem parte do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) do Novo Banco anunciados em outubro quando o antigo BES foi vendido.

Carla Antunes da Silva será assim a única mulher e o único elemento de nacionalidade portuguesa deste órgão que dá orientações estratégicas à comissão executiva do antigo BES, liderada por António Ramalho.

A nomeação do nono membro que faltava para o CGS foi feita em Assembleia Geral e aguarda apenas a autorização do Banco de Portugal para entrar em funções.

Carla Antunes da Silva é diretora estratégica do grupo Lloyds Bank desde outubro de 2015 e é tida como um dos braços direitos do presidente do banco, António Horta Osório.

O presidente do CGS deste órgão social é Byron Haynes e o vice-presidente Karl-Gehard Eick, presidente da administração IKB, o banco alemão do Lone Star.

Nos últimos 18 anos, Carla Antunes Ribeiro passou pelo Credit Suisse, JP Morgan e Deutsche Bank, onde liderou as equipas de análise e vendas da banca europeia.