Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Inflação na zona euro caiu para 1,1% em fevereiro

O Eurostat reviu em baixa esta sexta-feira a estimativa inicial de 1,2% para a inflação na zona euro em fevereiro. É a taxa de inflação mais baixa desde dezembro de 2016. Grécia, Itália e Portugal reportaram níveis de inflação em fevereiro abaixo de 1%

Jorge Nascimento Rodrigues

A inflação em fevereiro na zona euro caiu para 1,1%, segundo a segunda estimativa do Eurostat, o organismo de estatísticas da União Europeia. É a taxa de inflação mais baixa em 14 meses. Esta nova estimativa publicada esta sexta-feira corrigiu em baixa a previsão de 1,2% avançada inicialmente, na primeira estimativa.

Em janeiro a inflação baixara para 1,3% prosseguindo uma trajetória de desinflação iniciada em dezembro do ano passado. A taxa de fevereiro é a mais baixa desde dezembro de 2016.

Esta revisão em baixa acentua, ainda mais, a chamada de atenção do presidente do Banco Central Europeu (BCE) para o facto da trajetória da inflação na zona euro continuar a não ser "convincente" quanto à sua marcha para a meta de 2%. Mario Draghi sublinhou na reunião da semana passada do BCE que a inflação poderá acelerar no resto do ano até 1,5%, mas a previsão para 2018 fica por 1,4%.

O Eurostat confirmou esta sexta-feira a estimativa inicial de 1% em fevereiro para a inflação subjacente na zona euro, sem alteração em relação a janeiro. A inflação subjacente não inclui as componentes mais voláteis do índice de preços no consumidor relacionadas com a alimentação, energia, álcool e tabaco.

No conjunto da União Europeia, a inflação desceu de 1,6%em janeiro para 1,3% em fevereiro.

Inflação em Portugal desce para 0,7%

Dentro da zona euro há profundas disparidades nos níveis de inflação. Há seis economias do euro que registaram em fevereiro níveis abaixo de 1% - Portugal e Irlanda com 0,7%, Finlândia com 0,6%, Itália com 0,5%, Grécia com 0,4% e Chipre com deflação (queda dos preços na ordem de 0,4%). Esta ilha do mediterrâneo oriental é a única economia da União Europeia em situação de deflação.

No caso de Portugal, o nível de inflação em fevereiro foi inferior a 1,1% registado no mês anterior.A trajetória descendente no índice português verifica-se desde o pico de 1,9% em outubro do ano passado.

Na zona euro, os países com inflação mais elevada, acima de 3%, são as duas economias bálticas da Estónia e Lituânia.

Na principal economia da zona euro, a Alemanha, a trajetória descendente da inflação também se tem consolidado: de 1,8% em novembro passado para 1,2% em fevereiro.