Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Hotéis Real doaram 3500 bens para reconstruír casas em zonas atingidas por incêndios

Marcos Borga

Colchões, camas ou cobertores são alguns dos bens doados para ajudar a reconstruiír casas nos distritos de Leiria e Coimbra

A cadeia de hotéis Real acabou de doar mais de 3.500 bens para ajudar a equipar cerca de três dezenas de casas que estão a ser construídas em zonas que foram atingidas pelos violentos incêndios do ano passado, nos distritos de Leiria e de Coimbra.

Colchões, estruturas de camas, cobertores, colchas ou almofadas destacam-se entre os bens que foram doados pela cadeia Real, numa ação que decorre no âmbito do protocolo estabelecido entre a Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) e a União das Misericórdias Portuguesas, que está na base do programa de responsabilidade social da associação dos hoteleiros, designado de Hospes.

Com o Programa Hospes, já foram doados pelos hotéis portugueses mais de 50 mil bens a diversas instituições de solidariedade social nos últimos anos. Este conjunto inclui uma grande diversidade de bens, como sofás, cadeias ou mesas, que resultam da renovação que os hotéis fazem periodicamente mas que estão em bom estado de conservação.

D.R.

Sobre o projeto específico de apoioar as vítimas dos incêndios, Cristina Siza Vieira, presidente executiva da AHP garante que a associação dos hoteleiros "tem estado desde o primeiro momento em contacto com as entidades que estão no terreno a fazer o levantamento das necessidades - e ao mesmo tempo, lançou o repto aos seus associados que, sempre que há pedidos, respondem de forma muito generosa, como foi o caso agora dos Hotéis Real".

Além dos Hotéis Real, "anteriormente, também o Sofitel Lisboa Liberdade e o Holiday Inn Porto Gaia tinham contribuído para o mesmo fim" de fazer doações para apoiar as populações atingidas pelos incêndios, adianta a presidente executiva da AHP.