Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Juros portugueses voltam a estar acima dos italianos

Os juros das Obrigações do Tesouro português no prazo a 10 anos mantêm-se desde terça-feira acima de 2% enquanto o custo de financiamento dos títulos italianos desceu desse patamar. O prémio de risco da divida portuguesa é, de novo, superior ao italiano

Jorge Nascimento Rodrigues

Os juros (yields) das Obrigações do Tesouro português (OT) no prazo de referência a 10 anos estão, de novo, acima do custo de financiamento dos títulos italianos (BTP) no mercado secundário desde o fecho de terça-feira. No caso das OT, os juros mantêm-se acima de 2% e para os BTP desceram ligeiramente desse patamar. Esta quarta-feira, os juros abriram em 2,06% para as OT e em 1,99% para os BTP.

O prémio de risco (spread) da dívida portuguesa de longo prazo voltou a situar-se acima do prémio para a dívida transalpina. Na abertura desta quarta-feira, o spread face ao custo de financiamento da dívida alemã que serve de referência na zona euro, situa-se em 135,4 pontos-base (o equivalente a 1,35 pontos percentuais) para Portugal e 128,3 pontos (1,28 pontos percentuais) para Itália.

A vantagem para Portugal em termos de custo de financiamento da dívida surgiu a 15 de dezembro. Em menos de dois meses parece estar a ser colocada em causa.