Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Algarve reeleito o melhor destino de golfe na Europa

O San Lorenzo, um dos 40 campos de golfe do Algarve

D.R.

A região portuguesa voltou em 2018 a ser distinguida pela revista britânica Today's Golfer com dois prémios, que além de melhor destino de golfe também envolvem a relação preço-qualidade

O Algarve voltou a conquistar os prémios de melhor destino de golfe na Europa continental (“Best Golf Destination in Continental Europe”), pelo segundo ano consecutivo, e de melhor destino de golfe na relação qualidade-preço, pela quinta vez (“Best Value Golf Destination in Continental Europe”, que já tinha em 2012, 2013, 2015 e 2017).

Os prémios do Algarve foram atribuídos no âmbito dos Annual Travel Awards 2018 organizados pela revista britânica Today´s Golfer, considerada uma referência para os jogadores de golfe. Nesta eleição, a região portuguesa alcançou mais de 60% dos votos dos leitores da revista britânica especializada em golfe.

"O golfe é um produto estratégico para o Algarve, que tem vindo a receber inúmeros prémios internacionais que reconhecem as excelentes condições da região para esta prática", considera Desidério Silva, presidente da Região de Turismo do Algarve.

Com mais de 40 campos de golfe, o Algarve registou em 2017 um recorde de mais de 1,3 milhões de voltas de golfe, que correspondem a um crescimento de 5,3% face ao ano anterior.

Portimão eleita Cidade Europeia do Desporto em 2019

A Região de Turismo do Algarve também destaca a nomeação de Portimão a 'Cidade Europeia do Desporto 2019' pela federação ACES Europe (European Capitals and Cities of Sport Federarion), enfatizando ser "uma vitória do Concelho de Portimão e de toda a região, que vê reconhecida a sua aposta na promoção do desporto, nas suas diversas modalidades".Segundo Desidério Silva, a eleição de Portimão como Cidade Europeia do Desporto em 2019 também é "um reconhecimento do investimento feito pela câmara municipal de Portimão em infraestruturas de qualidade e na promoção do desporto junto da população residente e dos turistas".