Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Descodificador: Amazon.pt para quando?

LOIC VENANCE / AFP / Getty Images

Gigante reforça aproximação ao mercado nacional com entregas grátis para algumas compras feitas a partir de Espanha

O que aconteceu 
com os custos de expedição da Amazon?

Desde quarta-feira, dia 8, os portugueses que fazem compras na versão espanhola da Amazon — a Amazon.es — passam a receber gratuitamente as encomendas de valor superior a €29, bem como os livros com um custo acima de €19, mas apenas quando o prazo de entrega for de quatro a cinco dias úteis. Esta promoção não abrange os restantes prazos praticados pela Amazon (entre um a dois dias e no próprio dia) nem a compra de CD, discos em vinil, DVD, software e videojogos (não incluindo as respetivas consolas), cuja entrega no prazo máximo continua a custar €3,49.

Quais são 
as tarifas que se mantêm para Portugal?

De acordo com o site espanhol do gigante norte-americano de comércio eletrónico, os preços dependem do prazo de entrega. Há o preço standard (quatro a cinco dias úteis), o preço express (um a dois dias) e o preço para entrega no próprio dia. Para a expedição para Portugal em 24 horas, a Amazon cobra por encomenda entre €5,99 (livros) e €8,99, valor aplicável a todos os produtos, exceto artigos como CD, discos em vinil, DVD, software e videojogos (não incluindo as consolas), para os quais a tarifa é €6,99. Nas encomendas standard é cobrado um custo de €0,99 aos livros e de €3,99 aos restantes produtos, caso o total não ultrapasse €19 e €29, montantes a partir dos quais funciona a promoção que a Amazon anunciou esta semana. Nas entregas express, o custo começa em €3,99 (livros) e vai até €8,99 (outros produtos).

Porque é que acabam com os portes a partir de Espanha em vez de abrirem um domínio 
em Portugal?

Pode ser uma forma 
de testar o mercado nacional 
antes de efetivamente abrir 
um domínio .pt, como se fala 
há algum tempo. Em comunicado divulgado esta semana, 
a Amazon refere que “os clientes portugueses da Amazon.es 
têm acesso a mais de 165 milhões 
de produtos em todas as 
categorias, desde livros 
a eletrónica, brinquedos, 
produtos de puericultura, 
beleza, moda, decoração, 
lar, desporto e produtos 
alimentares não perecíveis”.

Que outras novidades demonstram o interesse no mercado nacional?

As cadeias de vestuário 
de moda como a Zippy, 
a Salsa e a Tiffosi, além 
do calçado da Fly London, 
são algumas das marcas 
que passam a fazer parte 
da oferta da Amazon.es 
para Portugal. A literatura portuguesa é outra das apostas 
da Amazon.es para o mercado nacional, com a colocação,
 a partir desta semana, das obras 
dos escritores António Lobo 
Antunes e Alice Vieira, 
entre outros.