Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Richard Thaler vence Nobel da Economia

CARSTEN REHDER / EPA

Economista é norte-americano, professor na Universidade de Chicago nos EUA e especialista em economia comportamental

Richard Thaler, professor da universidade de Chicago nos EUA, é o vencedor de 2017 do Prémio do Banco da Suécia em Ciências Económicas, conhecido como o Nobel da Economia. Thaler é norte-americano, tem 72 anos e é um dos maiores especialistas mundiais em economia comportamental.

O agora premiado é autor de best-sellers mundiais sobre ciências do comportamento, nomeadamente "Nudge" (em coautoria com Cass Sustein), de 2008, e "Misbehaving", de 2015, bem como de vários artigos académicos sobre economia comportamental.

Nos últimos anos, têm surgido inúmeros trabalhos a questionar a racionalidade dos agentes económicos – usada numa parte importante dos principais modelos teóricos – e Richard Thaler é um dos nomes mais importantes desta área de investigação.

"Thaler é pioneiro na economia comportamental, uma área de investigação onde são aplicados resultados da psicologia às decisões económicas", lê-se no comunicado do anúncio do prémio. Que acrescenta: "Uma perspetiva comportamental incorpora uma análise mais realistas sobre como as pessoas pensam e se comportam quando tomam decisões económicas, oferecendo novas oportunidades para desenhar medidas e instituições que aumentem o benefício para a sociedade."

  • Richard Thaler: “Somos mais parecidos com Homer Simpson do que com Einstein”

    Numa entrevista à revista “Exame”, em novembro de 2009 e que aqui se republica, Richard Thaler, premiado esta manhã com o Nobel de Economia de 2017, defendia que, muitas vezes, tudo o que as pessoas precisam para tomar as melhores decisões para si próprias, as suas famílias e a sociedade em geral, é de um pequeno “nudge”