Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Juros da dívida portuguesa em queda

Os juros das Obrigações do Tesouro português a 10 anos desceram para 2,41% na abertura desta terça-feira. Juros dos títulos alemães, que servem de referência na zona euro, espanhóis e italianos permanecem sem alteração

Jorge Nascimento Rodrigues

Nos primeiros minutos de abertura da sessão desta terça-feira do mercado secundário da dívida soberana na zona euro, os juros (yields) das Obrigações do Tesouro português, no prazo de referência a 10 anos, desceram para 2,41%, depois de terem encerrado em 2,46% no dia anterior.

A trajetória de evolução dos juros dos títulos obrigacionistas da Alemanha, Espanha e Itália não registava alteração em relação ao fecho de ontem. Os juros dos títulos irlandeses estavam, também, a descer como os portugueses.

Recorde-se que na segunda-feira, os juros dos títulos espanhóis e portugueses, na maturidade a 10 anos, registaram as maiores subidas na zona euro, contrastando com a estabilidade dos juros das obrigações alemãs, que servem de referência na zona euro.

O 'contágio catalão' afetou no dia seguinte ao referendo na Catalunha apenas os títulos peninsulares, segundo os analistas.

Esta terça-feira decorre desde o início da manhã uma greve geral e uma paragem da atividade económica na Catalunha.

  • Depois de uma abertura esta segunda-feira com uma tendência geral ascendente, os juros dos títulos a 10 anos subiram para Portugal, Espanha, Irlanda e Itália, desceram para a Grécia e mantiveram-se estáveis para a Alemanha. Prémio de risco da dívida portuguesa volta a subir acima de 2 pontos percentuais