Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Autoridade Tributária fiscaliza 4600 estabelecimentos comerciais

Fisco fez uma ação de controlo das faturas de talhos, peixarias, frutarias, floristas e mercearias, tendo levantado 920 autos por diversas infrações

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

Talhos, peixarias, frutarias, mercearias e floristas. Na passada quinta-feira, 28 de setembro, a Autoridade Tributária (AT) visitou 4600 estabelecimentos comerciais para controlar a emissão de faturas, informou o Ministério das Finanças em comunicado.

Na ação da AT participaram 520 inspetores e foram instaurados 920 autos por não emissão de fatura, não observância de requisitos formais nos documentos emitidos, não utilização de um programa de faturação certificado e falta de exibição de documentos de aquisição dos produtos.

No seu comunicado as Finanças indicam que estes estabelecimentos “serão objeto de um rigoroso acompanhamento do seu comportamento declarativo, estando prevista a realização de procedimentos inspetivos subsequentes, nos casos em que que forem detetados elevados riscos de incumprimento”.

A AT, que a 12 de setembro tinha visitado 3600 oficinas de reparação de automóveis com o mesmo intuito, diz ainda ter programadas outras ações do mesmo âmbito para diversos setores de atividade.