Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

SIBS desiste da compra da Redunicre

Empresa diz que a Autoridade da Concorrência teve uma atuação e exigências desproporcionadas e por isso retirou o processo de aquisição

A SIBS desistiu do negócio de aquisição da Redunicre, retirando o processo que tinha enviado à Autoridade da Concorrência, apurou o Expresso. Contactada, a empresa refere que o fez por considerar que a atuação e exigências da Autoridade da Concorrência são desproporcionadas face à sua própria prática em processos anteriores.

Recorde-se que a SIBS tinha anunciado em setembro do ano passado a intenção de comprar o negócio de acquiring da Unicre (Redunicre) e ao longo dos últimos dez meses foi negociando os termos da aquisição com a entidade reguladora da concorrência, de forma a ultrapassar os obstáculos que foram surgindo.

Mas, segundo disse a empresa ao Expresso, “não obstante a disponibilidade da SIBS, a negociação de soluções e compromissos com a Autoridade da Concorrência revelou-se infrutífera”. A empresa diz mesmo que a Autoridade da Concorrência tem uma visão de mercado de pagamentos estritamente nacional, o que acaba por dar origem a uma discriminação negativa dos grupos nacionais que assim ficam impedidos de ganhar dimensão face aos seus concorrentes europeus.