Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Siemens e Landis+Gyr vão fornecer 800 mil contadores digitais à EDP

As duas empresas ganharam o concurso para a fase de renovação do parque de contadores de eletricidade que decorrerá até ao final de 2018

Miguel Prado

Miguel Prado

Jornalista

A Siemens e a Landis+Gyr ganharam um contrato para fornecer à EDP Distribuição um total de 800 mil contadores inteligentes, que já começaram a ser instalados e deverão estar totalmente operacionais até ao final de 2018.

Fernando Silva, diretor da área de gestão de energia da Siemens Portugal, explicou esta terça-feira num encontro com jornalistas que os equipamentos não são fabricados em Portugal, mas há incorporação nacional na componente de adaptação do sistema informático que tratará os dados recolhidos pelos contadores.

Em paralelo, a Siemens assegurou junto da EDP Distribuição um outro contrato para gerir as leituras de mais de 6 milhões de consumidores de eletricidade ligados à rede da EDP Distribuição. A empresa alemã não revelou o valor económico dos dois contratos firmados com a EDP, mas admite que é "muito significativo".

Segundo Fernando Silva, o sistema de tratamento de dados de consumo fornecido à EDP será totalmente compatível com a obrigação que a EDP Distribuição tem, a partir deste ano, de entregar à Adene – Agência para a Energia a gestão do operador logístico de mudança de comercializador de eletricidade (OLMC).

A Siemens tem globalmente 70 milhões de consumidores de eletricidade ligados à plataforma tecnológica que desenvolveu para gestão dos consumos de energia. "O projeto com a EDP será um dos maiores do grupo", assegurou o responsável da divisão de energia da Siemens no nosso país.

Com o contrato de fornecimento de 800 mil contadores e respetivo software, e tendo em conta que parte dos equipamentos já instalados são também seus, no final do próximo ano a Siemens espera ter uma quota em torno de 60% no total de contadores instalados em Portugal.

No nosso país a Siemens emprega cerca de 1700 pessoas, das quais 400 estão ligadas à área da energia (300 na divisão de transporte e distribuição de eletricidade e uma centena na área de soluções para a produção de eletricidade).