Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

CTT lidera perdas na Bolsa de Lisboa

Ações dos Correios abriram o dia a caír 8,18%, com as ações da Corticeira Amorim e da Pharol também a desvalorizar. Nas subidas, destaque para a Ibersol e a Jerónimo Martins

A bolsa de Lisboa abriu hoje em baixa, com as ações dos CTT a liderarem as perdas e descerem 8,18% para 5,24 euros. O principal índice com as principais empresas cotadas, o PSI20, estava a cair 0,76% para 5.155,90 pontos, com 13 'papéis' a desvalorizarem-se, quatro a subirem e dois inalterados.

Além dos 'papéis' dos CTT, os da Corticeira Amorim e da Pharol eram dos que mais desciam, estando a recuar 1,54% para 11,165 euros e 1,51% para 0,261 euros, respetivamente.

Em sentido inverso, as ações da Ibersol e da Jerónimo Martins eram das que mais subiam, estando a avançar respetivamente 1,75% para 14,55 euros e 0,26% para 17,475 euros.

Na Europa, as principais bolsas estavam hoje em baixa no início de uma sessão, com poucas referências económicas, destacando-se destas apenas a publicação da inflação na zona euro e na União Europeia (UE) em abril.

Em Nova Iorque, a bolsa em Wall Street fechou na terça-feira quase inalterada, com o Dow Jones a descer 0,01% para 20.979,75 pontos, depois de em 01 de março ter terminado a subir para o atual máximo desde que foi criado em 1896, de 21.115,55 pontos.

A nível cambial, o euro abriu em alta no mercado de divisas de Frankfurt, a subir para 1,1108 dólares, contra 1,1083 na terça-feira.

O barril de petróleo Brent, para entrega em julho, abriu hoje em baixa, a cotar-se a 51,26 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, menos 0,88% do que no encerramento da sessão anterior.