Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Snapchat com prejuízo de €2 mil milhões

Empresa divulga os resultados do primeiro balanço após a entrada da empresa na Bolsa

Bruna Garbuglio

A Snap, dona da aplicação Snapchat, estreou este ano na Bolsa de Valores e divulgou os primeiros resultados, a mostrar um cenário não muito otimista para os investidores.

No primeiro trimestre de 2017, o prejuízo líquido da empresa foi de €2 mil milhões, contra os €95,8 milhões de perdas em igual período de 2016.

Desde março, período em que a empresa iniciou o processo de abertura de capital, as ações da companhia caíram mais de 22%.

Apesar da alta da receita da companhia de 286% na comparação anual, a somar €137 milhões nos três primeiros meses do ano, o resultado EBITDA (resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) foi negativo em €172,2 milhões.

Apesar da perda de dinheiro este ano, a aplicação aumentou o número de usuários ativos diários. No primeiro trimestre de 2016 foram registados 122 milhões de utuilizadores, contra 166 milhões em igual período deste ano, uma subida de 36%.

Ainda assim o Snapchat fica atrás do Instagram Stories - recurso do Instagram com a mesma finalidade do Snapchat e que já ultrapassou 200 milhões de utilizadores ativos por dia.