Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

BCP lucra €50 milhões no 1.º trimestre

ANDRE KOSTERS / LUSA

O lucro do BCP aumentou 7,4% nos primeiros três meses de 2017. O crédito a clientes caiu 2,9% e os recursos cresceram 2%

O presidente do BCP , Nuno Amado, afirmou na apresentação de resultados do banco que "se verifica uma redução dos ativos em risco desde 2013 de mais de 1000 milhões de euros e, neste trimestre, já se registou uma diminuição de 200 milhões", nesta rubrica.

No trimestre o crédito concedido caiu 2,9% mas, segundo Nuno Amado, "já se nota uma inversão da tendência de redução do crédito tendo em conta a comparação face a março de 2016". Sobretudo na concessão de crédito ao consumo, já que o crédito concedido às empresas e o crédito a habitação registaram decréscimos face a igual período de 2016.

No que toca às imparidades e provisões verificou-se um aumento de 15,5% de 176 milhões de euros, em março de 2016, para 203 milhões, em março de 2017. Nuno Amado sublinhou ainda a cobertura da qualidade do crédito para quase 100% (99%) .

Os resultados das operações internacionais ascenderam a 74,3 milhões de euros no primeiro trimestre.